MENU

Com Coutinho e Oscar em baixa pela 1ª vez, garotada exalta força

Com Coutinho e Oscar em baixa pela 1ª vez, garotada exalta força

Atualizado: Quarta-feira, 17 Agosto de 2011 as 9:33

Pela primeira vez no Mundial Sub-20, Philippe Coutinho ou Oscar não foram os destaques da Seleção Brasileira. Ainda assim, contra a Espanha, a equipe se portou bem ofensivamente, criou chances e se classificou na disputa de pênaltis, após empate por 2 a 2 no tempo normal e prorrogação.

O meia do Internazionale de Milão foi sacado para a entrada de Dudu no segundo tempo, que entrou e marcou o segundo gol brasileiro na prorrogação. O colorado, por sua vez, saiu somente na prorrogação, com câimbras, mas atuava também com papel defensivo no esquema do técnico Ney Franco. Para os jogadores, sinal de que o grupo é forte e não depende somente do talento individual de seus camisas 10 e 11.

Philippe Coutinho não foi bem contra a Espanha e foi substituído (Foto: Rafael Ribeiro/CBF)  

– O fato de Coutinho ou Oscar não terem aparecido, é com certeza porque taticamente eles foram excelentes no time, nossa equipe foi muito aplicada nesse sentido. A Espanha tinha um toque de bola muito bom e isso envolve o grupo todo. O Dudu entrou muito bem, o Allan muito bem, Negueba... Isso mostra que o grupo da Seleção está bem fortalecido. Não é mérito de um ou de outro. É da zaga que defesa, do meio, do ataque. Senão ninguém teria aparecido – disse o volante Casemiro.     O treinador justificou a substituição de Coutinho como relacionada à parte física. De férias por atuar na Europa, ele ficou cerca de 50 dias parado e realizou uma espécie de pré-temporada na Granja Comary, antes de embarcarem à Colômbia para a competição.

– Ele sentiu fisicamente, já não estava preenchendo o setor do meio-campo. Foi em função disso apenas – explicou Ney.

O zagueiro e capitão Bruno Uvini foi outro a elogiar o elenco brasileiro.

– Encontramos muita dificuldades no jogo, eles driblam, criam jogadas. Mas superamos tudo isso com a nossa qualidade. A força do grupo é o nosso segredo, como foi no Sul-Americano e está sendo no Mundial, pois quem entra nos ajuda muito. Contra a Espanha foram Dudu, Negueba e Allan. Contra o México ainda vamos saber. Todos têm qualidade para estar aqui – afirmou Uvini.

A partida contra os mexicanos, válida pela semifinal da competição, será disputada nesta quarta-feira, às 22h (de Brasília), no Estádio Hernán Ramírez Villegas, em Pereira. O GLOBOESPORTE.COM acompanhará em Tempo Real, com vídeos. O SporTV transmite ao vivo.            

veja também