MENU

Com Nei, Libertadores da América é na força

Com Nei, Libertadores da América é na força

Atualizado: Quarta-feira, 16 Março de 2011 as 10:37

Nei já não trata a Libertadores da América como novidade. Campeão e autor do primeiro gol do Inter na edição passada, o jogador agora conhece boa parte dos caminhos do torneio continental. E se sente confortável nele. Jogador de bom fôlego, de pernas firmes e de cabeça pouco inclinada a desistências, ele tem a obstinação como arma em um torneio com arbitragem menor rígida. Nei usa sua força na Libertadores.

Nisso, pesa a experiência adquirida no ano passado. Nei sabe calcular melhor o momento de usar sua capacidade física.

- Estou mais experiente. Ano passado, foi minha primeira Libertadores. O jogador estranha, por ser um jogo mais pegado, por o juiz deixar alguns lances passarem. Em muitos lances, a gente acha que vai ser falta, mas o juiz não dá. Temos tranquilidade para chegar um pouco mais firme. Eu, que tenho um bom porte físico, uso bastante a força. No Brasileiro, isso para bastante a jogada, mas na Libertadores, não – analisou o jogador.

Nei nunca se considerou um jogador de grande primor técnico, nem faz questão de ser protagonista. Poder usar sua força já é algo que anima o camisa 4 do Inter.

- Quanto mais você joga, mais adquire experiência, mais percebe coisas que podem ajudar em campo. Isso é algo que pode me ajudar bastante.

O jogador está de volta ao time do Inter, recuperado do inchaço no joelho que o afastou dos jogos contra Ypiranga e Caxias. Às 19h30m desta quarta-feira, o Inter visita o Jorge Wilstermann, na Bolívia, pela terceira rodada do Grupo 6 da Libertadores.      

veja também