MENU

Com nova dupla de ataque, Atlético-GO atropela o Ceará: 4 a 1

Com nova dupla de ataque, Atlético-GO atropela o Ceará: 4 a 1

Atualizado: Segunda-feira, 13 Junho de 2011 as 8:12

                                          O Atlético-GO se recuperou das últimas duas derrotas com um ótimo resultado neste domingo ao golear o Ceará por 4 a 1, de virada, no Serra Dourada, em jogo válido pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Com gols de Anselmo (dois), Adriano e Bida (Thiago Humberto descontou), o Dragão conseguiu a primeira vitória em casa e subiu para seis pontos, enquanto os cearenses, que jogaram muito mal, permanecem com quatro. Na próxima rodada, o Ceará encara o São Paulo, no domingo, no estádio Presidente Vargas. O Atlético-GO visita o Atlético-MG, na mesma data, em Sete Lagoas.

Durante a semana, o técnico PC Gusmão declarou que iria deixar Marcão na reserva, pois achava que o atacante havia tido uma queda no rendimento por causa de rumores envolvendo uma negociação para o futebol turco. No entanto, o barrado foi Felipe. Marcão jogou e deu duas assistências.

O primeiro tempo foi bastante movimento e aberto, com chances para os dois lados, apesar do grande número de passes errados. Mesmo jogando fora de casa, o Ceará procurava sair para o jogo, principalmente com Vicente pela esquerda. O primeiro gol da partida, aos 21 minutos, saiu justamente numa jogada por aquele setor.

Iarley deu ótimo passe para Vicente, que bateu cruzado e viu Thiago Humberto aparecer no meio da área para completar para a rede e fazer 1 a 0. Na comemoração, Thiago imitou o João Sorrisão, boneco do "Esporte Espetacular". O programa lançou uma campanha para dar o João Sorrisão aos jogadores que imitarem a dança ao festejarem os gols.

Mas não deu nem tempo para comemorar porque, três minutos depois, o Atlético-GO chegou ao empate numa bela jogada. Thiago Feltri cruzou da esquerda, Marcão dominou a bola girando e cruzou na medida para Anselmo subir e cabecear para o fundo do gol: 1 a 1. Na comemoração, Anselmo também fez a dança do João Sorrisão.

Com mais volume de jogo, o time da casa conseguiu chegar ao segundo gol aos 38, quando Adriano arriscou rasteiro de longe e Fernando Henrique não alcançou: vira-vira do Dragão e 2 a 1 no placar.

Ceará esbarra na falta de objetividade

O time comandado por PC Gusmão voltou ainda mais organizado para o segundo tempo e não deu chances ao Ceará. O terceiro gol foi questão de tempo. Aos 15 minutos, Marcão deu belo passe para Bida, que invadiu a área e bateu rasteiro, sem chance para Fernando Henrique. 3 a 1.

O time de Fortaleza tentava trocar passes, mas sem objetividade. O Dragão, nos seus domínios, não perdoou. Em grande tarde, Anselmo deu bom passe para Marcão, aos 29 minutos, mas o atacante desperdiçou cara a cara. No entanto, no rebote, Anselmo só teve o trabalho de tocar para fazer 4 a 1 e sacramentar a goleada no Serra Dourada.

Até o final do jogo, o Atlético-GO ainda desperdiçou algumas chances, deixando de aplicar uma goleada ainda maior. O Ceará, por sua vez, confirmou a atuação irreconhecível. O time que venceu o Inter na primeira rodada, no Beira-Rio, agora perde de goleada e segue em busca de equilíbrio. Final: 4 a 1.              

veja também