MENU

Com pensamento nas Olimpíadas, Diego Renan pode deixar o Cruzeiro

Com pensamento nas Olimpíadas, Diego Renan pode deixar o Cruzeiro

Atualizado: Terça-feira, 3 Maio de 2011 as 4:08

Lateral sonha com as Olimpíadas de Londres, em 2012 (Foto: Fernando Martins / Globoesporte.com)

  O lateral-esquerdo Diego Renan dá sinais de que não está satisfeito no clube. O jogador, que começou a temporada como titular, perdeu espaço para Pablo. Por conta disso, Diego Renan, que tem contrato com o Cruzeiro até 2014, diz que conversa com outro clube, e, se for de interesse da Raposa, poderá deixar a equipe.

- Caso a diretoria aceite me negociar, estou disposto a seguir meu caminho em outro time. Recebi proposta de um outro grande clube do futebol brasileiro. O Carlinhos Sabiá, meu empresário, já está em contato com a diretoria do Cruzeiro e do clube interessado. Enquanto isso, sigo treinando firme aqui na Toca e aguardando um posicionamento oficial sobre o caso.

O lateral-esquerdo, de 21 anos, diz que sonha em disputar as Olimpíadas de Londres, em 2012. No entanto, para isso, o jogador diz que precisa estar em um clube como titular.

- Estamos às vésperas de uma Olimpíada e sinto que tenho possibilidade de brigar por uma vaga na Seleção Brasileira que vai a Londres. Mas para isso, tenho que estar jogando.

A última partida de Diego Renan como titular foi no domingo, na goleada de 5 a 1 sobre o América TO. No entanto, nesse confronto, o técnico Cuca escalou um time misto, com reservas e titulares.

- Tenho muito carinho e gratidão pelo Cruzeiro, clube que me revelou, e pela torcida. Porém, perdi espaço nos últimos jogos, apesar de ter enfrentado o América de Teófilo Otoni os 90 minutos, pela semifinal do Campeonato Mineiro.

Diretoria desmente

Já a diretoria cruzeirense diz que em nenhum momento foi procurada por Diego Renan. Segundo o diretor de futebol Dimas Fonseca, o jogador não mencionou descontentamento com a reserva.

- O Diego não nos procurou. Em nenhum momento, nem eu ou o presidente Zezé Perrela ficamos sabendo de nada disso. Ele também não mencionou nenhum descontentamento pelo fato de estar na reserva.        

veja também