MENU

Com Poliana e Ana Marcela, Brasil tem reais chances de ouro em Xangai

Com Poliana e Ana Marcela, Brasil tem reais chances de ouro em Xangai

Atualizado: Segunda-feira, 18 Julho de 2011 as 1:01

Há dois anos, em Roma, Poliana Okimoto foi a responsável por quebrar um jejum de 15 anos sem medalhas do Brasil em edições de mundiais. Na prova de 5km, a maratonista brasileira conquistou o bronze. Na China, as expectativas são ainda mais altas. Além dela, Ana Marcela Cunha, que também esteve na Itália, evoluiu e é apontada como uma das favoritas. No masculino, o país será representando por Allan do Carmo, Samuel de Bona e Vitor Colonese. As disputas da maratona, na praia de Jinshan, próxima a Xangai, começam na noite desta segunda-feira (às 22h, no horário de Brasília), com os 10km feminino, e valem vaga para as Olimpíadas de Londres-2012 .

Poliana Okimoto é uma das promessas de medalha para o Brasil em Xangai (Foto: Divulgação / CBDA)

  Em Roma, as expectativas ainda não eram tão ousadas. Até por isso, a medalha de bronze de Poliana nos 5km surpreendeu. Na China, no entanto, a nadadora do Corinthians, campeã da Copa do Mundo de 2009, chega apontada como uma das favoritas ao ouro. Ela e Ana Marcela Cunha, campeã da Copa do Mundo de 2010, serão as representantes nas provas de 5 e 10km da competição. No masculino, Allan do Carmo e Samuel de Bona nadam nos 10km. Na distância mais curta, Vitor Colonese entra no lugar de Allan.

Ana Marcela Cunha é outro destaque da equipe

brasileira (Foto: Satiro Sodré / Divulgação AGIF)

  - Me sinto muito mais experiente e madura para enfrentar as provas e as adversárias. Sonho sim com a medalha de ouro, mas principalmente com a classificação olímpica – disse Poliana.

O Mundial de Xangai será fundamental na busca por vaga em Londres-2012. Na prova de 10km (ercurso olímpico), os dez primeiros colocados no feminino e no masculino garantem a vaga do país nas próximas Olimpíadas. Para conseguir ter dois representantes, ambos terão que ficar no top 10 da China. Caso contrário, apenas um poderá ir à Inglaterra.

Para garantir a classificação e um lugar no pódio, os cinco maratonistas brasileiros terão de enfrentar as altas temperaturas do verão chinês, além dos fortes adversários.

- As condições do mar serão boas, com provavelmente um mar calmo, talvez apenas marolas de vento. Mas a temperatura da água será também uma dificuldade, pois estará bem quente, em torno dos 30 graus, além do forte calor fora da água, o que desgasta muito o atleta – alertou Poliana.

Confira a programação dos brasileiros na maratona, de acordo com o horário de Brasília!

18/7 – 10km Feminino (Poliana e Ana Marcela) – 22h

19/7 – 10km Masculino (Allan e Samuel) – 22h

21/7 – 5km Feminino (Poliana e Ana Marcela) – 21h / 5km Masculino (Samuel e Vitor) – 23h            

veja também