MENU

Com problemas para armar equipe, Carpegiani reclama: 'Tempo é curto'

Com problemas para armar equipe, Carpegiani reclama: 'Tempo é curto'

Atualizado: Terça-feira, 11 Janeiro de 2011 as 2:08

O tempo para se preparar é curto. Ainda com os jogadores longe da sua melhor forma, Paulo César Carpegiani tenta armar o time do São Paulo para a estreia no Campeonato Paulista, no domingo, contra o Mogi Mirim. O treinador tricolor afirmou que, durante as primeiras rodadas, deverá mexer muito na equipe no decorrer dos jogos.

- Tenho vários jogadores que ainda estão bem abaixo da forma ideal. Mas não posso reclamar. O tempo é curto, insuficiente, mas é assim para todo mundo – disse o treinador.

O treinador, no entanto, reclamou da tabela do Campeonato Paulista e do pouco tempo para deixar a equipe pronta para o campeonato.

- Precisava enxugar um pouco o campeonato. É questão de sensatez - afirmou.

Na manhã desta terça, os jogadores fizeram um treino físico no CT da Barra Funda. Segundo Carpegiani, Cléber Santana, Fernandão e Dagoberto são alguns desses jogadores ainda longe da melhor forma. O técnico também não deverá contar com Marlos, que tem o passe ligado ao time uruguaio Rentistas, do empresário Juan Figer. Como a janela internacional da Fifa só abre no dia 15, o clube não deve conseguir registrar o novo contrato do meia, renovado automaticamente no fim do ano. Ele, no entanto, conta com Juan, que veio do Flamengo.

O técnico disse ter buscado reforçar a parte física dos jogadores na primeira parte da pré-temporada. No treino de segunda, no entanto, começou a buscar a cara do time para a estréia.

- São apenas 13 dias de pré-temporada, e deixei os primeiros seis ou sete para o Riva (Carli, preparador físico). Ontem, já comecei a pegar o time. Coloquei o Fernandinho e o Dagoberto na frente e depois coloquei o Fernandão, que ainda está bem abaixo da condição ideal.

Para a estreia contra o Mogi Mirim, Carpegiani deve escalar o seguinte time: Rogério Ceni, Jean, Miranda, Alex Silva e Juan; Rodrigo Souto, Carlinhos Paraíba (Cléber Santana) e Ilsinho; Fernandinho, Fernandão e Dagoberto.

Por: João Gabriel Rodrigues

veja também