MENU

Comissário do GP da Hungria afirma que Schumacher seria desclassificado

Comissário do GP da Hungria afirma que Schumacher seria desclassificado

Atualizado: Terça-feira, 3 Agosto de 2010 as 2:16

O ex-piloto Derek Warwik, que foi comissário no GP da Hungria, no último domingo, afirmou que Michael Schumacher esteve próximo de ser desclassificado da prova por ter tentado jogar Rubens Barrichello no muro quando o brasileiro tentava ultrapassá-lo. Segundo ele, isso só não aconteceu porque já não havia mais tempo útil na corrida.

- Mostrar uma bandeira preta seria dar um bom exemplo para os pilotos mais novos. Mas, quando recebemos o vídeo com a evidência, já estávamos sem tempo, e nós tivemos de tomar a decisão depois – disse Warwick, em entrevista à rádio da BBC.

Schumacher foi penalizado com a perda de dez posições no grid do próximo GP, na Bélgica. Warwick afirmou ter ficado desapontado com a maneira que o piloto da Mercedes lidou com o incidente após a corrida.

- Nós conversamos com Rubens e Michael e foi um tanto decepcionante como Michael lidou com isto. Nós não tivemos outra opção a não ser dar a ele uma punição de dez posições no grid. Se nós tivéssemos voltas suficientes, poderíamos desclassificá-lo, mas você precisa ter a evidência em vídeo primeiro e termos certeza de que todos os quatro comissários concordam.

O ex-piloto afirmou que o grupo chegou a cogitar a exclusão de Schumacher nos próximos GPs, mas entendeu que seria exagerado.

- Você precisa ver a evidência e poderia desqualificar o piloto no próximo GP, ou nos próximos dois GPs. Mas nós sentimos que uma penalidade de dez posições seria suficiente em Spa. Isso meio que o tira da corrida, e tomara que ele aprenda com isso e lembre que os novos comissários não vão tolerar este estilo de pilotagem.

veja também