MENU

Companheiros se mostram ansiosos com a reestreia de Juninho no Vasco

Companheiros se mostram ansiosos com a reestreia de Juninho no Vasco

Atualizado: Terça-feira, 5 Julho de 2011 as 10:08

Juninho Pernambucano no treino do Vasco

(Foto: Marcelo Sadio / Site Oficial do Vasco da Gama)

  A ansiedade da diretoria, da torcida, da comissão técnica e do próprio Juninho Pernambucano pela reestreia com a camisa do Vasco é grande. Como não poderia deixar de ser, os companheiros de time também vivem momentos de expectativa para a partida contra o Corinthians, na próxima quarta-feira, às 21h50m (de Brasília), no Pacaembu. Alecsandro, por exemplo, não vê a hora de ter ao seu dispor três jogadores de qualidade excepcional como Juninho, Felipe e Diego Souza para deixá-lo na cara do gol. Para o camisa 9, o Vasco e ele próprio ganham uma arma a mais.

- É mais uma para ajudar. eu já me sinto feliz de ter dois diferenciados ao meu lado: o Felipe e o Diego. Agora vem o Juninho. Quando eles estão inspirados, fazem coisas que até Deus duvida. Vai ser um trio brilhante - comemorou Alecsandro, confirmando que o próprio Juninho tem demonstrado sua ansiedade.

- Por mais experiente que ele seja, acaba sentindo a ansiedade. E a gente vive isso junto. Se ele está, imagina nós! Todos queremos vê-lo bem em campo - disse.

Além de toda parte técnica e tática, Marcio Careca lembrou outro ponto que aumenta a ansiedade do grupo: as cobranças de falta para valer. Nos treinamentos, sempre que Juninho Pernambucano posiciona a barreira móvel e se prepara para aperfeiçoar seu principal fundamento, os outros jogadores ficam apenas assistindo. Para o lateral-esquerdo, o Vasco ganhou uma nova arma.

- Ele é um exímio cobrador e temos de aproveitar isso logo agora diante do líder do Brasileiro - afirmou.

Boa forma impressiona os companheiros

Desde que chegou ao Vasco, Juninho Pernambucano chamou a atenção de quem não acompanhava seus treinamentos. Em forma e mostrando muita disposição, o volante não sentiu a carga de treinamentos e rapidamente estava em condições de jogar, aguardando apenas os trâmites burocráticos. Marcio Careca disse que se impressionou com o profissionalismo e garante que fará de tudo para ajudá-lo a se readaptar ao ritmo do futebol brasileiro o mais rapidamente possível. Já Alecsandro lembrou que Juninho sempre foi tão profissional que, para ele, não foi uma grande surpresa.

- Isso é motivo para surpresa para quem não o conhece. Eu já vi ele jogando, acompanhei sua carreira. Trata-se de uma pessoa responsável e de um autêntico atleta profissional. Quem se cuida como ele não costuma ter qualquer tipo de problemas - garantiu.        

veja também