MENU

Contra Internacional e 'secadores', Corinthians tenta disparar

Contra Internacional e 'secadores', Corinthians tenta disparar

Atualizado: Quinta-feira, 14 Julho de 2011 as 10:05

Serão 11 adversários do outro lado do campo e um batalhão de "secadores" em casa pela televisão. Líder e invicto, o Corinthians enfrenta o Internacional, nesta quinta-feira, às 21h, no Pacaembu, para tentar ganhar mais fôlego na liderança do Campeonato Brasileiro. Ao Colorado caberá não só reagir para se manter entre os primeiros como impedir que o Timão abra seis pontos de vantagem para o segundo colocado.

Alex, do Corinthians, e D'Alessandro, do Internacional, são os criadores

 de suas equipes e se enfrentam nesta quinta-feira, no Pacaembu

 (Foto: Editoria de Arte / GLOBOESPORTE.COM)

  A partida é válida pela 12ª rodada e foi antecipada pela CBF por causa da participação do clube gaúcho em um torneio na Alemanha no fim de julho. Com isso, o Corinthians deixará de ter uma partida a menos na tabela, mas poderá se fixar ainda mais na ponta da classificação. Na última rodada, os paulistas bateram o Atlético-GO por 1 a 0, em Goiânia, e chegaram aos 22 pontos, três a mais que o Flamengo.

- Secar não faz gol ou faz errar passe (risos) – brincou o técnico Tite.

Já o Internacional vinha de três vitórias consecutivas, porém, foi derrotado por 2 a 0 pelo Vasco, em São Januário. Mesmo assim, aparece no bloco de cima, ocupando a sexta posição, com 15 pontos. Um triunfo em São Paulo deixa o clube somente quatro abaixo do líder, desta vez com um jogo a mais que a maioria dos adversários.

Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG) apita a partida. Os auxiliares são Roberto Braatz (Fifa-PR) e Guilherme Dias Camilo (MG). O SporTV transmite a partida, menos para São Paulo. Você acompanha também, em Tempo Real, no GLOBOESPORTE.COM.

Corinthians: o Timão pode chegar à sua maior diferença para os rivais na liderança do Brasileirão 2011, deixando a equipe em ótima situação. Um novo triunfo, o sexto consecutivo, colocaria o Alvinegro com seis pontos de vantagem sobre o Flamengo.

Internacional: O Inter tem sete pontos de distância para o Corinthians, com um jogo a mais do que o adversário. Caso perca, verá a diferença subir para dez, com risco de aumentar até para 13, o que dificultaria bastante na busca pelo título. Vindo de derrota para o Vasco, o Colorado sabe que precisa pelo menos de um empate diante do líder do Brasileirão.

Corinthians: Tite fará somente uma alteração em relação ao time que bateu o Atlético-GO, no último final de semana. O atacante Jorge Henrique retorna depois de se recuperar de um problema muscular na panturrilha direita. O meia Alex, que brilhou por quase cinco anos no Inter, foi mantido e disputará sua primeira partida como titular jogando no Pacaembu. A formação é a seguinte: Julio Cesar, Weldinho, Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho e Alex; Willian, Liedson e Jorge Henrique.

Internacional: Falcão poderá mandar um Inter quase completo a campo. Dos titulares, só não terá o volante Tinga, em recuperação de entorse no tornozelo esquerdo. O treinador contará com o zagueiro Juan e o meia Oscar, liberados pela última vez da Seleção Brasileira sub-20. Os gaúchos irão a campo com: Muriel, Nei, Bolívar, Juan e Kleber; Bolatti, Guiñazu, D’Alessandro e Oscar; Zé Roberto e Leandro Damião.

Corinthians: o meia Danilo está suspenso pelo terceiro cartão amarelo e não pode atuar. Afastado desde a segunda rodada, o lateral-direito Alessandro voltou a sentir dores na coxa direita e segue fora.

Internacional: O Inter não tem o volante Tinga e o meia Andrezinho, em fase final de recuperação de entorse no tornozelo e fissura na fíbula, respectivamente, e segue sem os zagueiros Sorondo, que passou por cirurgia no joelho, e Rodrigo, com embolia pulmonar.

Corinthians: Fábio Santos e Liedson.

Internacional: Guiñazu e Zé Roberto.

Corinthians: reforço mais caro de 2011, Alex terá uma noite especial. O meio-campista reencontrará o Internacional, clube no qual conquistou oito títulos. Ele também atuará pela primeira vez como titular diante da Fiel. Sem Danilo, Tite e torcida depositam nele toda a esperança de ser o “cérebro” alvinegro.

Internacional: Oscar, na precocidade de seus 19 anos, virou figura fundamental no Inter. É o artilheiro colorado no Campeonato Brasileiro, com cinco gols – três deles marcados nos últimos três jogos que disputou pelo time colorado. Ele forma com D’Alessandro uma dupla decisiva na articulação. Com eles juntos, o aproveitamento vermelho é de vice-líder; sem um deles, é quase de rebaixado. Jogador ágil, de drible fácil, de chute qualificado, Oscar se despede momentaneamente do Inter contra o Corinthians. Voltará só em agosto, quando estiver encerrada a participação da Seleção Brasileira sub-20 no Mundial da categoria.

Tite, técnico do Corinthians: “ Conversei com os jogadores e mostrei os erros que tivemos contra o Atlético-GO. Não poderemos cometê-los novamente pela qualidade que o Internacional tem. Sei da importância do jogo. É um clássico ”.

Paulo Roberto Falcão, técnico do Inter: “ É um jogo difícil. Mas o Internacional tem história, grandeza, jogadores em condições de ganhar. Ninguém discorda que é difícil, como também será para o Corinthians. Nosso objetivo, nesse campeonato, é diminuir a pontuação dos times que estão se classificando para a Libertadores. O Corinthians é um adversário que está lutando pelo título. Se ganharmos os dois jogos do Corinthians, chegaremos perto. Na competição, temos que ficar preocupados com os adversários. O favoritismo é do Corinthians. Se a gente pensar na história dos clubes, não tem favoritismo, mas o momento do Corinthians é importante ”.

*Quem venceu mais? Confira o histórico do confronto na Futpédia .

*Corinthians e Internacional já se enfrentaram 24 vezes em São Paulo pelo Campeonato Brasileiro, com vantagem corintiana. O Timão venceu 11 vezes, contra cinco vitórias do Inter e oito empates. Na capital paulista, o Corinthians marcou 28 gols, contra 22 do Colorado.

*Desde 2003, quando o regulamento dos pontos corridos foi adotado no Campeonato Brasileiro, o Corinthians venceu apenas três vezes o Internacional: 3 a 1 no Pacaembu em 2003; 2 a 1 no Beira-Rio em 2009 e 2 a 0 no Pacaembu ano passado. Nos últimos 14 jogos entre as duas equipes em Brasileiros, o Inter venceu seis vezes, houve cinco empates e três vitórias corintianas.

No dia 26 de setembro do ano passado, Internacional e Corinthians fizeram um grande jogo no Beira-Rio. O Colorado venceu por 3 a 2, mas só marcou o gol da vitória aos 48 minutos do segundo tempo, com Andrezinho, sendo que o Timão havia acabado de empatar, com Bruno César, aos 45. Tinga e Alecsandro marcaram antes pelos gaúchos. Jorge Henrique fez para os paulistas (assista aos melhores momentos do duelo) .          

veja também