MENU

Corinthians anuncia acordo para a remoção de dutos do futuro estádio

Corinthians anuncia acordo para a remoção de dutos do futuro estádio

Atualizado: Quarta-feira, 19 Outubro de 2011 as 3:22

O Corinthians anunciou nesta manhã a assinatura do contrato para remoção dos dutos no terreno de seu futuro estádio que, ao que tudo indica, livra o clube de um dos impasses mais preocupantes depois do início das obras, em maio deste ano. Pelo valor aproximado de R$ 7 milhões, divulgado pela diretoria no site oficial (ainda na dependência de isenção tributária), a arena em Itaquera terá o procedimento, que se inicia imediatamente, realizado em 60 dias.

Traves no futuro estádio do Corinthians mostram corrida contra atraso na obra (Foto: Divulgação / Odebrecht) O acerto se deu com a empresa SACS, credenciada junto à Transpetro (subsidiária da Petrobras). Segundo o comunicado do líder do Brasileirão, a atividade terá apoio da Odebrecht, construtora responsável pelo estádio, e supervisão constante da própria Transpetro. O projeto subterrâneo prevê o desvio do trecho dos dutos Osvat 22 e Osvat 24, que atravessam o terreno. Eles terão seu caminho alterado. O custo já estava previsto no orçamento, e a demora para a definição não impediu que cerca de 12% do trabalho fosse feito até aqui.

A etapa de terraplenagem está perto do fim, e o campo já teve demarcação de linhas e a instalação de balizas. Além disso, uma parte da estrutura das arquibancadas começou a ser erguida. A entrega da arena, cujo montante investido, oficialmente, é de R$ 820 milhões, é janeiro de 2014.

Para a Copa do Mundo 2014, a capacidade será de 60 mil pessoas. Porém, depois da competição, o número de assentos cairá para 48 mil, pois parte deles será provisório. De modo a cumprir exigência da Fifa para estádios de abertura ou final do Mundial. Nesta quinta-feira, em Zurique, na Suíça, São Paulo tem tudo para ser anunciada como a sede da estreia do Brasil.          

veja também