MENU

Corinthians e Flamengo estão de olho em Manoel, do Atlético PR

Corinthians e Flamengo estão de olho em Manoel, do Atlético PR

Atualizado: Terça-feira, 4 Janeiro de 2011 as 11:58

O Atlético-PR pode começar o ano sem a dupla de zaga titular da temporada 2010. O zagueiro Rhodolfo, como o volante Chico, está com a negociação adiantada com o exterior - pode ser finalizada na terça-feira. A novidade da vez é Manoel. O defensor ameaçou abandonar o clube caso não seja negociado ou não receba um considerável aumento de salário.

Segundo o empresário da revelação atleticana, Neco Cirme, o zagueiro de 20 anos estava irredutível e não queria nem se reapresentar nesta quinta-feira, quando todo o elenco rubro-negro retorna de férias. Diante da promessa de uma reunião, nesta quarta-feira, com o presidente Marcos Malucelli, aceitou rever seus planos e desembarcar em Curitiba.

- Um clube o procurou e ofereceu cinco vezes o salário que ele ganha no Atlético. A cabeça do jogador fica zonza - explica Cirme, que também é empresário do meia Paulo Baier.

Os times interessados no defensor, que tem contrato até abril de 2014 com o Rubro-Negro, são Corinthians, Internacional e Flamengo.

As propostas para levar o jogador, que se destacou na Copa São Paulo de 2009, não empolgaram os dirigentes atleticanos. Porém, Manoel quer ficar no Furacão, desde que seja valorizado.

- O presidente pede 4 milhões de euros e ele ganha R$ 20 mil por mês, estou dando um exemplo. Outro clube oferece 2 milhoes de euros e dá um salário de R$ 100 mil. O jogador fica com a cabeça doida, é claro - argumenta o empresário, citando que a multa contratual é de U$$ 20 milhões (R$ 33 milhões aproximadamente).

Segundo Neco Cirme, seu cliente afirmou preferir voltar para Bacabal, no Maranhão, a continuar no Furacão recebendo o mesmo salário.

- Ele me disse: 'se não der para resolvermos com o presidente, eu não vou dar uma de covarde de ficar no vestiário. Eu vou vir para minha terra e acabou a história. Não tem problema nenhum. Não adianta fazer uma coisa contra a minha vontade - complementou o empresário, sem estar muito confiante de que o atleta saia feliz da reunião de amanhã.

- Acho que dentro do que o Manoel pensa não tem entendimento, vai ser muito dificil - reconheceu.

De acordo com o gerente de futebol do Atlético-PR, Ocimar Bolicenho, não é a primeira vez que o zagueiro ameça abandonar o clube. Mas a posição oficial do clube é de só falar sobre o assunto após a reapresentação dos jogadores.

- O Manoel tem de se apresentar no dia 6. Até agora ele está de férias. Se ele não se apresentar, nós começamos a nos preocupar. Estamos aguardando - afirmou o dirigente.

veja também