MENU

Corinthians rechaça sorte de campeão e afina discurso com Tite

Corinthians rechaça sorte de campeão e afina discurso com Tite

Atualizado: Quinta-feira, 17 Novembro de 2011 as 3:17

Paulo André e Alessandro vão até a linha lateral 

para conversar com Tite (Foto: Futura Press) Tite não apareceu para conversar com os jornalistas depois da vitória por 1 a 0 sobre o Ceará, na noite de quarta-feira, em Fortaleza. Mas, apesar de ter sido “poupado” por dois de seus principais líderes em campo, o discurso do treinador esteve presente no Estádio Presidente Vargas.

Líder do Brasileiro com 64 pontos, dois a mais que o Vasco, o Timão finalmente conseguiu uma folguinha. Voltou a vencer duas partidas seguidas depois de quatro meses, mas não quer saber de comentários sobre a sorte que tem acompanhado a equipe ao longo do campeonato. Ponto para o discurso do professor.

- Vou bater na tecla do Tite. Não quero me apegar à sorte, mas sim acreditar no que temos feito, no trabalho e nas situações que o Tite dá atenção. Existe uma preparação grande, viemos para Fortaleza sabendo tudo sobre o Ceará. É um trabalho da comissão, é dedicação. Algumas coisas aconteceram, perdemos jogos que não esperávamos e não saímos da liderança, mas tivemos jogos em casa em que lutamos e conseguimos vencer. Não dá para falar em sorte – disse o lateral-direito e capitão Alessandro. A três rodadas do fim do Campeonato Brasileiro, o Corinthians tem a chance de conquistar a taça com antecedência. Para isso, o Timão tem de vencer o Atlético-MG e o Figueirense nas próximas rodadas e torcer por mais um tropeço do Vasco.

Mas o discurso segue como o do treinador. E a lembrança de Tite, em silêncio depois do gol de Ramirez em Fortaleza, volta à tona, mesmo quando os representantes do time nos microfones são os jogadores.

- Estamos com a postura de um grupo campeão. E o Tite também soube o momento de deixar isso acontecer (dos jogadores falarem no seu lugar). Ele vem sofrendo pressão, a carga emocional é grande. Ele nem comemorou o gol, fez isso internamente. Mas foi uma vitória importante, de um grupo que se desdobrou em campo – afirmou o zagueiro Paulo André.

O Corinthians retorna para São Paulo na tarde desta quinta-feira. Na sexta, quando Tite deve falar novamente com a imprensa, o time retoma os trabalhos, visando a partida com o Atlético-MG, no Pacaembu, domingo.

veja também