MENU

Corinthians se inspira em campanha arrasadora do começo do Brasileirão

Corinthians se inspira em campanha arrasadora do começo do Brasileirão

Atualizado: Quinta-feira, 6 Outubro de 2011 as 10:27

Com nove vitórias e um empate em dez jogos disputados no início do Campeonato Brasileiro, o Corinthians obteve o melhor desempenho de uma equipe na era dos pontos corridos. Porém, no decorrer da competição, a equipe teve alguns tropeços e acabou perdendo a liderança. Agora, o Timão parece ter se reencontrado na competição e não perde há três partidas.

- Nós últimos jogos a gente vem bem, tomando pouco gols. O pensamento é de voltar a ser aquela equipe que não dá espaço para o adversário. Tem de ser como era no começo do campeonato e recuperar o bom futebol daquele momento. Todo mundo marca e quando tiver a posse de bola, todos fazem os gols - comentou Danilo.

Danilo elogiou a postura do Corinthians nas últimas rodadas (Foto: Ayrton Vignola / Agência Estado)

  A principal diferença, apontada pelos jogadores, entre o Corinthians do começo do Brasileirão e o Corinthians atual é que os gols não estão mais saindo como antes.

- Temos de estar bem e quando surgir a oportunidade procurar fazer. Tivemos muita chances de gols contra o Vasco e perdemos. Temos de estar mais atentos - cobrou Danilo.     Sem correr risco de rebaixamento e distante da zona de classificação para a Libertadores, o Atlético-GO, adversário do Corinthians neste domingo, no Pacaembu, faz uma campanha regular e não tem muito mais com que se preocupar no Brasileiro. Apesar disso, o time goiano perdeu apenas um jogo, nos últimos doze disputados

- A equipe deles vem em uma sequência muito boa, precisamos procurar neutralizar o que eles têm de melhor e fazer um bom jogo dentro de casa. Temos que respeitá-los e a partir de agora todo jogo é como uma final - afirmou Danilo.

No Campeonato Brasileiro do ano passado, o Corinthians perdeu as duas partidas para o Atlético-GO. No primeiro turno foi derrotado por 3 a 1, em Goiânia, e no segundo, o Timão saiu na frente, mas levou a virada no Pacaembu e amargou o placar de 4 a 3.      

veja também