MENU

Corinthians tenta conquistar título simbólico do 1º turno

Corinthians tenta conquistar título simbólico do 1º turno

Atualizado: Sábado, 20 Agosto de 2011 as 9:39

O Corinthians tenta conquistar um título simbólico e se aproximar de um recorde no Campeonato Brasileiro. Se vencer o Figueirense neste sábado, às 18h, no Pacaembu, não poderá ser mais alcançado no primeiro turno do torneio.

Robson Ventura/Folhapress O meia Alex durante treino do Corinthians Não rende troféu, volta olímpica ou estrela bordada na camisa, mas a história recente ensina que o título do primeiro turno tem valor. Desde que o Nacional passou a ser disputado no atual sistema de pontos corridos, em 2003, quem chegou líder à metade do torneio quase sempre foi o campeão.

Isso só não aconteceu em 2008, quando o Grêmio se deixou ultrapassar pelo São Paulo, e no ano seguinte, em que o Inter acabou sendo superado pelo Flamengo. "É um parâmetro consistente", comentou o técnico Tite neste sexta-feira.

"Ganhar o turno, e, associado a isso, não se machucar mais gente, isso seria fundamental para nós". O Corinthians tem 37 pontos, contra 34 do Flamengo, seu perseguidor mais próximo.

Se vencer neste sábado, o time alvinegro não poderá mais ser alcançado: chegará a 40 pontos e 12 vitórias. O Flamengo, mesmo que ganhe os dois jogos que ainda lhe restam, só poderá atingir 11 triunfos.

Uma vitória permitirá ao Corinthians ir atrás de um recorde: o de melhor aproveitamento no primeiro turno na história dos pontos corridos. Para isso, terá que vencer também o Palmeiras, no outro domingo, dia 28, em Presidente Prudente, na última rodada do primeiro turno.

"É um índice de aproveitamento extraordinário o que a gente busca", comentou Tite. "Quero que o torcedor compreenda o grau de dificuldade desse jogo contra o Figueirense", emendou.

MUDANÇAS

Como aconteceu em todas as rodadas do Brasileiro até aqui, Tite não vai repetir o time de uma partida para outra. Mas a mudança desta vez é quase uma obrigação. O zagueiro Chicão, capitão do time, volta de suspensão e substitui Wallace.

O atacante Emerson, que foi decisivo na vitória por 3 a 2 sobre o Atlético-MG no meio da semana, fica de novo no banco de reservas. "Ele está crescendo, pedindo passagem. É um pepino para o técnico descascar, porque tenho cinco jogadores para quatro posições", disse o treinador, que volta a escalar um trio de armadores --Jorge Henrique, Alex e Danilo com Liedson na frente.

Mais uma vez Tite vai ter que improvisar Welder, que é destro, na lateral esquerda. Alessandro, que era dúvida, será titular na direita.  

veja também