MENU

Coritiba e São Paulo se enfrentam em busca da reabilitação

Coritiba e São Paulo se enfrentam em busca da reabilitação

Atualizado: Quarta-feira, 27 Julho de 2011 as 9:15

Coritiba e São Paulo se encontram nesta quarta-feira no Couto Pereira, às 21h50m (de Brasília) em busca de uma vitória que reabilite os dois. A situação dos times na tabela do Brasileirão são diferentes, mas a meta é a mesma: ganhar para recuperar os pontos perdidos com os empates na última rodada – o Coritiba fora de casa (0 a 0 com o Bahia) e o São Paulo ao lado da sua torcida (2 a 2 com o Atlético-GO).

Os times de Oliveira e Batista vêm de empates

(Foto: Montagem sobre foto da Ag. Estado)

  O Alviverde paranaense está na 12ª posição, com 14 pontos, e precisa da vitória em casa, para compensar os resultados negativos fora: em cinco jogos foram quatro derrotas e um empate. Porém, o técnico Marcelo Oliveira ainda tem dúvidas no time, que tem dois desfalques por suspensão (Leandro Donizete e Tcheco) e uma lacuna na lado direito, pois o lateral Jonas sentiu a coxa direita e poderá ficar de fora do confronto.

Já o Tricolor está na segunda colocação, com 22 pontos, e precisa de um resultado favorável, para não ver a sua posição no G-4 ameaçada. Após assumir o clube paulista, o técnico Adilson Batista ainda não conseguiu uma vitória.

O confronto será mediado pelo trio carioca, formado pelo árbitro Antonio de Carvalho Schneider e pelos seus auxiliares Rodrigo Pereira Jóia e Luiz Muniz de Oliveira. O jogo será exibido pelo canal 4 do Premiere, além da cobertura em tempo real, com o lance-a-lance do GLOBOESPORTE.COM.

Coritiba: continuar com o bom retrospecto dentro do Couto Pereira e compensar a falta de vitórias jogando longe de casa. Nos três últimos jogos ao lado da torcida, o Coxa conseguiu desenvolver um bom futebol e vencer com placares dilatados. A vitória é vital para a equipe ficar entre as dez melhores equipes do Brasileirão.

São Paulo: após o inesperado empate por 2 a 2 com o Atlético-GO, no estádio do Morumbi, o São Paulo vai em busca da vitória para diminuir para três pontos a distância para o líder Corinthians, que não entrará em campo nesta rodada. O time se apoia no bom desempenho como visitante no Campeonato Brasileiro. Até agora, em seis partidas disputadas, o time venceu quatro (Fluminense, Ceará, Atlético-MG e Internacional) e duas derrotas (Corinthians e Flamengo).

Coritiba: Marcelo Oliveira não conseguiu definir o seu time, pois no treino de terça-feira, o lateral-direito Jonas sentiu dores na coxa direita e será avaliado pelo departamento médico. Se confirmado a sua presença em campo, o Coxa entra com Gil e Davi nos lugares dos suspensos Leandro Donizete e Tcheco. O provável time alviverde será: Edson Bastos; Jonas (Maranhão), Pereira, Emerson e Eltinho; Gil, Léo Gago, Davi (Demerson) e Rafinha; Marcos Aurélio e Bill.

São Paulo: apesar do tropeço no final de semana, Adilson Batista repetirá o time que atuou no final de semana. Dagoberto, que levou uma pancada na canela no último treino, viajou com a delegação e jogará normalmente. O time entrará em campo com: Rogério Ceni; Jean, Xandão, Rhodolfo e Juan; Denilson, Wellington, Carlinhos Paraíba e Rivaldo; Lucas e Dagoberto.

Coritiba: Tcheco e Leandro Donizete (suspensos); Willian, Leonardo e Everton Costa (no departamento médico).

São Paulo: Luis Fabiano (machucado, ainda não reestreou pelo Tricolor), além de Bruno Uvini, Casemiro, Henrique e Willian José (todos na Seleção Brasileira sub-20).

Coritiba: entre os relacionados, Bill. Everton Costa completa a lista, mas está afastado dos gramados, tratando uma lesão.

São Paulo: Carlinhos Paraíba, Juan e Dagoberto

Coritiba: o atacante Bill é o goleador do Coritiba no ano, com 18 gols, e promete aumentar esse marcador, contando com o apoio da parceria Marcos Aurélio / Rafinha, no setor de criação.

São Paulo: revelado pelo Atlético-PR, rival do Coritiba, o atacante Dagoberto não terá vida fácil no estádio Couto Pereira na noite desta quarta-feira. O jogador aposta no seu ótimo rendimento em 2011 para voltar a marcar um gol. Até agora, ele é o artilheiro do time na temporada, com 15 gols, e também o principal assistente, com dez passes para gol.

Marcos Aurélio, atacante do Coritiba: “Precisamos fazer a lição de casa. O adversário é muito forte, rápido e temos que aproveitar o fator de ter nossa torcida ao lado ”.

  Rhodolfo, zagueiro do São Paulo: "Conheço bem lá, a torcida apoia o tempo todo e temos que saber a hora de atacar. O time deles é muito rápido do meio para frente e gosta de jogar bastante pelas pontas. Por isso, temos de jogar como fizemos contra o Internacional no Beira-Rio, marcando forte e sabendo a hora certa de atacar. Temos uma boa campanha fora de casa no Brasileiro (quatro vitórias e duas derrotas em seis jogos) e, com inteligência, podemos sair de campo com a vitória" .

* Quem venceu mais? Confira o histórico do confronto na Futpédia. * Coritiba e São Paulo se enfrentaram 16 vezes em Curitiba na história do Campeonato Brasileiro com bastante equilíbrio. Na capital paranaense, o Coxa venceu sete vezes contra seis vitórias são-paulinas e três empates. Em Curitiba, o Coritiba marcou 25 gols, contra 22 da equipe paulista.

* A 1ª vez que Coritiba e São Paulo se encontraram pelo Campeonato Brasileiro, foi em 14/11/71 no Estádio Belford Duarte. Na oportunidade, o Coritiba venceu por 2x0, gols de Hermes e Jurandir (contra).

* A média de gols das partidas entre São Paulo e Coritiba em Brasileiros é de 2,8 gols por partida. Em 32 jogos, foram marcados 92 gols. A vitória do São Paulo por 5x3 em 1980 no Morumbi foi a partida com o maior número de gols marcados na história deste confronto em Brasileiros.

A última vez que São Paulo e Coritiba se encontraram, foi pelo Brasileirão de 2009, no Morumbi. A partida foi realizada no Morumbi, em 07 de outubro, e terminou empatada em 2 a 2. Os gols pelo lado tricolor foram marcados por Hernanes e Washington, enquanto no lado alviverde, Renatinho e Macelinho Paraíba balançaram as redes.            

veja também