MENU

Coritiba e Vasco se enfrentam com a cabeça na final da Copa do Brasil

Coritiba e Vasco se enfrentam com a cabeça na final da Copa do Brasil

Atualizado: Domingo, 5 Junho de 2011 as 9:12

Vasco e Coritiba se enfrentam pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro, neste domingo, às 16h (de Brasília), no Couto Pereira. Em condições normais, seria um jogo repleto de atrativos. Os donos da casa ainda não pontuaram, figuram na zona de rebaixamento, e vão lutar para mudar esse quadro. Já o time carioca está na liderança com 100% de aproveitamento e espera continuar assim. Mas a grande questão é que os dois estão com a cabeça na final da Copa do Brasil.

Os dois voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, às 21h50m, novamente no Couto Pereira, para ver quem vai levantar a taça inédita para ambos. O meia Jéferson estará em campo pelo Brasileiro, sabe da importância, mas admite que no clube a cabeça está mesmo na Copa do Brasil.

- É uma conquista inédita. Esperamos poder sair com a vitória no Brasileiro, manter o time na liderança e dar ainda mais moral para a grande decisão de quarta-feira - afirmou.

A Rede Globo transmite Coritiba x Vasco ao vivo para Rio de Janeiro, Alagoas, Paraíba, Piauí, Amazonas, Rondônia, Roraima, Acre e Amapá, além das cidades de Petrolina-PE, Balsas-MA e Santarém-PA. O GLOBOESPORTE.COM acompanha todos os lances em Tempo Real, com vídeos. O trio catarinense formado pelo árbitro Célio Amorim e os auxiliares Kleber Lúcio Gil e Ângelo Rudimar Bechi será responsável pela arbitragem da partida.   

Coritiba:   praticamente nada, pois ambos os times se poupam para a final da Copa do Brasil. No entanto, o Coritiba tem a motivação de tentar obter seus primeiros pontos no Campeonato Brasileiro, pois perdeu os dois primeiros jogos e está na zona de rebaixamento da competição.

Vasco:   o Vasco luta para ampliar a invencibilidade que já dura 20 jogos - 12 vitórias e oito empates. Atualmente, é o clube da Primeira Divisão há mais tempo sem perder. Além disso, o expressinho tem a missão de vencer para que o clube continue como líder do Campeonato Brasileiro. A vitória ainda dá mais moral para a final da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira. 

Coritiba:   o Coritiba também coloca o seu time reserva, exceto o atacante Anderson Aquino. O técnico Marcelo Oliveira testou duas formações. Uma conta com o meia Geraldo para fazer a ligação com o ataque e na outra opção, coloca o volante Djair, adiantando o meia Tcheco. Provável time poderá entra em campo com Vanderlei; Maranhão, Lucas Claro, Jeci e Eltinho; Marcos Paulo, Tcheco, Everton Ribeiro e Geraldo; Anderson Aquino e Leonardo.

Vasco:   com a cabeça na Copa do Brasil, o técnico Ricardo Gomes vai lançar mais uma vez um time recheado de reservas. E mesmo assim ele ainda está com algumas dúvidas, como na lateral direita e no meio-campo. Bernardo, por exemplo, viajou, mas ainda não se sabe se irá começar como titular. O provável time que irá entrar em campo é: Fernando Prass; Fagner (Irrazábal), Fernando, Jomar e Max; Jumar, Fellipe Bastos, Jeferson e Enrico (Bernardo); Leandro e Elton.

Coritiba:   o atacante Marcos Aurélio já treina com o time, após uma lesão na coxa esquerda, mas está se recuperando e é esperança somente para o jogo de quarta. Já o zagueiro Pereira ainda não foi liberado pelo departamento médico do time. O volante Leandro Donizete continua tratando uma distensão muscular na panturrilha.

Vasc o:   Eder Luis e Ramon seguem fora do time. Não há jogadores suspensos.

Coritiba:   não há jogadores pendurados.

Vasco:   não há jogadores pendurados. 

 Anderson Aquino (atacante do Coritiba):   suspenso da decisão da Copa do Brasil, após receber o terceiro cartão amarelo, na última quarta-feira, será escalado com a equipe reserva e será o ponto forte na busca pelos três primeiros pontos no Brasileirão. Entrosado e com ritmo de jogo, o meia-atacante quer mostrar tudo o que pode para compensar a ausência na grande final.

Jéferson (meia do Vasco):   o apoiador se destacou nos dois primeiros jogos do Vasco no Campeonato Brasileiro. Ele comandou o expressinho e já está com duas assistências e um gol marcado. Jéferson encara o jogo contra o Coritiba como uma oportunidade perfeita para conseguir um lugar entre os relacionados para a final da Copa do Brasil.

 Tcheco (meia do Coritiba)   –   “É um jogo de suma importância. Vamos jogar em casa e precisamos começar a pontuar, pois é primordial para não sofrermos uma carga muito grande depois, durante o campeonato. Lógico que também uma coisa leva a outra e uma vitória poderá trazer uma credibilidade maior para a final de quarta-feira ”.

Ricardo Gomes (técnico do Vasco)   –   "O jogo tem a sua importância. Uma vitória faz com que o time vá com mais moral. Além disso é bom para gente em termos de tabela. Quem não gosta de ver o Vasco lá em cima? ".

* Pelo Campeonato Brasileiro, Vasco e Coritiba não se enfrentam desde 2008. Há três anos, o Coxa venceu o Vasco, em São Januário, por 2 a 0, com gols de João Henrique e Keirrison. No returno, o time da Colina deu o troco vencendo no Couto Pereira, pelo mesmo placar, com gols de Leandro Amaral.

* Dezesseis dos 31 jogos entre Coritiba e Vasco na história do Campeonato Brasileiro foram disputados em Curitiba. Jogando fora de casa, o Vasco leva vantagem com seis vitórias e seis empates, contra apenas quatro vitórias do Coxa.

* A primeira vez que Vasco e Coritiba se encontraram pelo Campeonato Brasileiro foi em 29 de agosto de 1971, no Estádio Belford Duarte, em Curitiba. Na oportunidade, o Vasco venceu por 1 a 0, gols de Adílson e Dé.

* Em 1979, Vasco e Coritiba fizeram uma das semifinais do Campeonato Brasileiro e o time carioca levou a melhor, garantindo ainda uma vaga na Libertadores do ano seguinte.

*Quem venceu mais? Confira o histórico do confronto na   Futpédia

 As equipes se enfrentaram há apenas quatro dias, no primeiro jogo da final da Copa do Brasil, em São Januário. O Vasco levou a melhor diante de sua torcida e, com gol marcado por Alecsandro aos cinco minutos do segundo tempo, vai para a decisão no Couto Pereira, na próxima quarta-feira, com a vantagem do empate. Todos os ingressos para a partida já foram vendidos. Pelo Brasileirão, Coxa e Vasco jogaram pela última vez no dia 30 de novembro de 2008, com vitória cruz-maltina por 2 a 0, no Couto Pereira.

veja também