MENU

Cristiano Ronaldo garante: 'Vamos tirar o Barcelona do topo'

Cristiano Ronaldo garante: 'Vamos tirar o Barcelona do topo'

Atualizado: Terça-feira, 21 Junho de 2011 as 9:35

Cristiano e Irina: para o craque, estar apaixonado

ajuda dentro de campo (Foto: Reprodução)

  Convidado pelo presidente do Besiktas, Yildrim Demirören, Cristiano Ronaldo está passando alguns dias de suas férias na Turquia - tratado como um verdadeiro rei. E como não poderia deixar de ser, a imprensa turca não perdeu a oportunidade de conversar com o craque. Nesta terça-feira, o diário "Vatan" traz uma entrevista exclusiva com o atacante do Real Madrid, em que ele diz que o time da capital espanhola está pronto para superar o rival Barcelona na próxima temporada.

Confiante, Ronaldo acredita que o time tem condições de vencer os atuais tricampeões espanhois e campeões europeus, como fez na final da Copa do Rei. Segundo ele, o Real é o principal candidato a acabar com a hegemonia recente do Barça no Velho Continente.

- Para começar, temos que ganhar deles. Só assim ganharemos a Liga. Seremos mais fortes nesta temporada em relação à passada e tenho confiança de que venceremos. Nós vamos tirá-los do topo - disse o gajo, que aproveitou para rechaçar as comparações com Messi.

- Não me importo com ele. Minha personalidade e meu futebol não têm nada a ver com o Messi. Sò me interessa se eu vou jogar bem e se o Real vai ganhar - comentou.

A entrevista também teve um foco levado para o futebol turco. O diário lembra que Ronaldo jogará com três jogadores com origem na Turquia na próxima temporada: Altintop, Sahin e Özil.

- Özil já é uma parte importante da equipe, se adaptou bem e está jogando de forma fenomenal. Sobre Sahia e Altintop, sei poucas coisas, vi alguns jogos na Alemanha, mas ajudarei no que for preciso para que eles possam também se adaptar bem e ajudar a equipe. Tenho certeza de que eles farão sucesso no Real - observou.

Cristiano, que esteve acompanhado da noiva Irina Shayk e declarou estar "apaixonado" e disse que acredita que isso ajuda no seu futebol. Além disso, ele admite também que não conhece muito o futebol turco, mas ouve boas referências de Hugo Almeida, companheiro de seleção portuguesa, que joga no Besiktas, e não descarta jogar no país um dia.

- Nunca digo nunca. Se houver uma boa proposta no futuro, quem sabe? - encerrou.          

veja também