MENU

Danilo e Luan: as vítimas da altitude de Sucre no Palmeiras

Danilo e Luan: as vítimas da altitude de Sucre no Palmeiras

Atualizado: Quarta-feira, 13 Outubro de 2010 as 8:56

Dois jogadores do Palmeiras sofreram os efeitos da altitude em Sucre, cidade boliviana que receberá a partida do time brasileiro com o Universitario de Sucre, pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Na tarde da última segunda-feira, dia em que a equipe chegou e fez os primeiros treinos no local, o zagueiro Danilo e o atacante Luan se sentiram mal.

Os atletas relataram que sentiram dores de cabeça e dificuldades de respirar. Ambos, porém, não precisaram de algo mais forte que um analgésico para sanar o mal estar.

- Eu sentia dores na cabeça e no rosto. E sentia que estava abafado, ofegante na hora de dormir. Mas hoje (terça-feira) estou bem. Treinei e não senti nenhum problema – contou Luan.

De acordo com o departamento médico do Palmeiras, nenhum atleta reclamou de mal estar nesta terça-feira, dia em que o treino foi mais puxado no Estádio Pátria. Durante a atividade, o técnico Luiz Felipe Scolari procurou explorar a altitude, forçando os atletas a chutarem direto para o gol ou arriscando os disparos contra o goleiro.

veja também