MENU

Dante festeja título e mira 2011: 'Ano que vem tem mais. É a vez do deca'

Dante festeja título e mira 2011: 'Ano que vem tem mais. É a vez do deca'

Atualizado: Segunda-feira, 26 Julho de 2010 as 2:31

No ano de 2009, Dante assistiu de longe ao oitavo título do Brasil na Liga Mundial. Viu do sofá de casa a festa dos seus companheiros e ficou alheio aos problemas. Não estava presente pois havia pedido dispensa da seleção para cuidar da saúde do filho mais novo, Antônio. Em 2010, no entanto, com o caçula recuperado, o ponteiro voltou à equipe e participou da conquista do eneacampeonato. Dessa vez, pode comemorar junto. Mas também sofreu com as críticas e dúvidas.

- Retornei ganhando novamente. Mas hoje tive uma sensação diferente. Este grupo foi sensacional. Depois que ganhamos os dois primeiros jogos por 3 sets a 2, e recebemos muitas críticas de várias pessoas, inclusive, dos técnicos das outras seleções. Foi difícil para nós. Ao mesmo tempo, isso nos deu mais raiva para buscarmos este título. Vimos agora quem pode ganhar e quem pode perder – disse Dante.

O próximo objetivo da seleção brasileira é o Campeonato Mundial. A partir de setembro, na Itália, o Brasil vai em busca do seu terceiro título consecutivo. Dante conta que não vê o momento de chegar a competição, mas também já pensa mais à frente.

- A gente sempre quer mais. Ano que vem tem mais Liga Mundial. É a vez do deca.

No ginásio Orfeo Superdomo, na cidade argentina de Córdoba, o Brasil entrou em quadra questionado para enfrentar os russos. Sabia que se não fosse perfeito, corria o risco de ser superado. Mas, com Dante vivendo um dia inspirado, conseguiu manter a regularidade e tornou-se absoluto no ranking de títulos na Liga Mundial.

- Foi um jogo sensacional. Eu sabia que o que iria encontrar, pois é uma cambada que tem um potencial muito grande. Mas a gente soube aproveitar os erros deles e ficar com a vitória. O grupo está de parabéns - afirmou o ponteiro, que foi o maior pontuador da final contra a Rússia, com 18 acertos, sendo 15 de ataque e três de bloqueio.

veja também