MENU

De novo sem reserva, Huertas confia nas opções: 'Estamos bem servidos'

De novo sem reserva, Huertas confia nas opções: 'Estamos bem servidos'

Atualizado: Quarta-feira, 21 Julho de 2010 as 12:29

Desde que assumiu o posto de armador titular da seleção brasileira, há mais de três anos, Marcelinho Huertas convive com uma dúvida: quem vai o reserva capaz de lhe dar alguns minutos de descanso? Por diferentes motivos, a questão volta à tona ano após ano. Desta vez, a resposta estava na ponta da língua. Mas o veterano Valtinho decidiu pular do barco em cima da hora e não se apresentou com o grupo, que começou a treinar nesta segunda-feira no Rio de Janeiro. Pronto, lá está Huertas sem reserva de novo.

- Foi uma surpresa. Todo mundo pensava que o Valtinho realmente viria desta vez. Infelizmente não pôde vir. Não sei, deve ter seus motivos pessoais. Mas a gente está bem servido, os jogadores que estão na seleção B são de alto nível. Quem vier poderá ajudar sem problema – explicou o jogador após o treino de segunda à noite, o primeiro sob o comando do argentino Rubén Magnano.

Para completar o grupo na ausência de Valtinho, o técnico chamou o armador Paulo Boracini, que acaba de se transferir para o Joinville. Ele também tem nos treinos o jovem Raulzinho, que está com o grupo para pegar experiência. O suplente de Huertas, contudo, deve mesmo sair da seleção B, que vai disputar o Sul-Americano. Entre os favoritos, Fúlvio, Nezinho e Luiz Felipe. O titular confia no treinador para não ter que carregar o piano durante os 40 minutos de cada partida.

- É claro que ficar sobrecarregado numa competição de alto nível como o Mundial é difícil. Mas pelo menos vamos ter mais descanso do que na Copa América, quando era jogo atrás de jogo sem nenhum dia de pausa – lembra Huertas, citando a campanha do título continental no ano passado, em Porto Rico.

Apesar de Raulzinho ser um azarão na disputa por um lugar no elenco, o titular do posto já enche a bola do garoto.

- No ano passado, tive a oportunidade de treinar alguns dias com o time B no Paulistano, e fiquei com uma impressão muito boa dele. Tem uma maturidade muito grande para a idade, vai ser certamente o armador titular da seleção no futuro. Não sei o que passa na cabeça do Rubén, se ele pensa em levar um jovem para o Mundial como 12º jogador. Seria muito bom para o Raulzinho. Se não for, ele é muito jovem, tem muito tempo pela frente, vai vestir a amarelinha por muito tempo - prevê.

veja também