MENU

Destaque da natação paraolímpica, Andre Brasil disputa José Finkel

Destaque da natação paraolímpica, Andre Brasil disputa José Finkel

Atualizado: Terça-feira, 21 Setembro de 2010 as 8:25

Apenas um mês depois da ótima campanha no Mundial Paraolímpico de natação, na Holanda, Andre Brasil já está de volta ao batente. Mas, desta vez, o nadador do Pinheiros vencedor de cinco provas em Eindhoven tem como adversários atletas do esporte olímpico. Aos 26 anos, o carioca disputa quatro provas no Troféu José Finkel, que está sendo realizado esta semana no Parque Aquático Maria Lenk, no Rio de Janeiro.

Apesar da hipotrofia muscular na perna esquerda, sequela de uma poliomielite, Andre Brasil deu suas primeiras braçadas na natação olímpica. Com a ascensão do esporte paraolímpico a partir dos Jogos de Atenas-2004, o nadador passou a se dedicar também na modalidade para portadores de deficiências físicas.

Acostumado em disputar de igual para igual com os atletas olímpicos, Andre logo se destacou no natação paraolímpica. Nos Jogos de Pequim-2008, garantiu quatro ouros. No mês passado, foi um dos destaques do Mundial, ao lado de Daniel Dias, subindo cinco vezes ao lugar mais alto do pódio. O atleta carioca, porém, nunca abriu mão de continuar disputando competições da modalidade olímpica. Acho que cada vez vamos ficar mais próximos do esporte olímpico, vamos ficar mais profissionais e cada vez mais as pessoas vão acreditar na gente. Para quem duvida do esporte paraolímpico, estou sempre aí provando. Estou sempre batalhando ao lado dos atletas olímpicos. E, se derem mole, eu ganho – brincou. No Troféu José Finkel, Andre está inscrito em quatro provas (50m, 100m, 200m e 400m livre). Ele acredita que nos 100m e 200m livre tem mais chances de chegar às semifinais e até, quem sabe, às finais. O que mais importa para o nadador, entretanto, é aproveitar a experiência de nadar ao lado dos atletas olímpicos.

- Perder aqui para mim é o de menos. Quanto mais próximo eu tiver desses caras que não têm nenhuma deficiência, melhor. O meu trabalho é visando o esporte paraolímpico mas, quanto melhores forem os meus resultados aqui, sei que mais próximo fico do que eu quero no esporte paraolímpico – afirmou Andre.

veja também