MENU

Diego Souza faz planos de um 2011 de conquistas com camisa do Galo

Diego Souza faz planos de um 2011 de conquistas com camisa do Galo

Atualizado: Segunda-feira, 6 Dezembro de 2010 as 9:45

Ele chegou ao Atlético-MG com o Campeonato Brasileiro em andamento. No currículo, a conquista do título de melhor jogador de 2009. De cara, ganhou uma camisa com o número 1 nas costas, já que era considerado a grande contratação do clube na temporada. Mas não conseguiu render o esperado. Por tudo o que aconteceu, Diego Souza faz planos de um ano bem mais produtivo em 2011.

- A expectativa é maravilhosa. Confio muito no meu trabalho e confio na equipe do Atlético. Terei férias e começarei o ano certinho, fazendo uma pré-temporada. E toda vez que começo assim tenho um ano de sucesso. Aqui não vai ser diferente. Vou voltar com tudo e procurar dar bastante alegria para a torcida atleticana.

Diego Souza, que jogou o Brasileirão 2009 e o primeiro semestre deste ano no Palmeiras, chegou em julho ao Atlético. O clube mineiro adquiriu 50% dos direitos econômicos do jogador 3 milhões de euros. O meia estava afastado do elenco do Palmeiras por fazer gestos obscenos para a torcida no dia 29 de abril, na vitória por 1 a 0 sobre o Atlético-GO, pela Copa do Brasil, em sua última aparição vestindo a camisa do time paulista. Acabou ficando praticamente dois meses cuidando da recuperação física.

Se não esteve presente em campo com a frequência esperada pela torcida atleticana - que apostava em seus passes e gols -, o atacante engrossou a torcida pelo time sempre que estava no Departamento Médico. E, ao analisar o semestre que teve no Galo, acredita ter sido importante para ajudar na briga para escapar do rebaixamento.

- Enquanto muitos acreditavam que era impossível, íamos jogando e vencendo. Cheguei como grande contratação e acabei não rendendo o esperado. Foi muito triste. Mas no final fiz gols importantes e consegui ajudar, da minha maneira, meus colegas de trabalho. O final de ano não foi dos melhores mas, pelo menos, conseguimos livrar o Atlético do rebaixamento.

Méritos ao comandante

Assim como todos os jogadores entrevistados ao longo das últimas semanas, principalmente após a confirmação do Galo na Série A em 2011, Diego Souza é só elogios ao técnico Dorival Júnior, a quem crédita boa parte dos méritos da equipe na reta final do Brasileiro.

- Depois da chegada do Dorival, muita coisa mudou. Ele fez bom trabalho e nós acreditamos. O resultado foi que conseguimos atingir nosso objetivo, de permanecer na Série A e, ainda, conquistamos uma vaga na Sul-Americana.

veja também