MENU

Diguinho afasta crise após empate com Nacional: 'Não existe'

Diguinho afasta crise após empate com Nacional: 'Não existe'

Atualizado: Quinta-feira, 24 Fevereiro de 2011 as 9:19

Complicou. Em um jogo importante pelo Grupo 3 da Taça Libertadores, o Fluminense não saiu do 0 a 0 com o Nacional, em casa, nesta quarta-feira, e agora soma dois pontos na competição. O problema é que já são dois empates jogando no Engenhão.

Soma-se a este resultado a eliminação na Taça Guanabara para o modesto Boavista e as vaias da torcida no fim da partida contra os uruguaios. Apesar do clima ruim, Diguinho afasta a palavra crise do elenco.

- Não existe. No ano passado vínhamos fazendo a mesma coisa. Mas esse ano as cobranças são maiores e temos que superar. Só conseguiremos superar trabalhando – disse o volante.

O goleiro Ricardo Berna, inclusive, acredita que houve evolução da equipe.

- Acho que o time rendeu melhor que antes. Não foi o resultado que queríamos, mas vamos continuar trabalhando para conseguir as vitórias.

A próxima partida acontece na próxima quarta, no estádio Azteca, contra o América-MEX, pela terceira rodada da Libertadores. O discurso no elenco, obviamente, é de otimismo.

- Continuamos vivos na competição. Não foi o resultado esperado, mas o sonho ainda não acabou - garante Tartá.

Com dois pontos, o Fluminense é o segundo colocado do Grupo 3. Nesta quinta-feira o Argentino Júniors recebe o América do México, na Argentina, para fechar a segunda rodada.    

veja também