MENU

Dinamite: 'Tenho certeza de que Obama receberá a camisa do Vasco'

Dinamite: 'Tenho certeza de que Obama receberá a camisa do Vasco'

Atualizado: Domingo, 20 Março de 2011 as 4:47

Na guerra para entregar ao presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, a camisa do clube na frente do rival, tudo indica que o Flamengo levou a melhor. Na manhã deste domingo, foi registrada por fotos a entrega rubro-negra no breve encontro entre a presidente Patrícia Amorim com o homem mais poderoso do planeta, que posou de helicóptero no estádio da Gávea. À tarde, o presidente do Vasco, Roberto Dinamite, não soube precisar se a camisa cruz-maltina já está nas mãos do chefe de Estado americano.

O dirigente havia combinado com o governador do Estado do Rio, Sérgio Cabral, e o prefeito da cidade, Eduardo Paes, também vascaínos, que entregassem a peça a Obama no encontro.

- Ainda não tive retorno da assessoria do Cabral se a camisa já foi entregue ao Obama. Mas tenho certeza de que ele vai receber e gostar pela mensagem social que a camisa tem - afirmou Roberto.

O clube, o primeiro grande clube no Brasil a aceitar negros, entre 1923 e 1924, fez questão de presentear o negro mais ilustre com a terceira camisa, lançada recentemente para comorar o feito.  No lado esquerdo do peito, há a imagem de uma mão espalmada em preto e branco. Na gola, estão escritas as palavras "Inclusão" e "Respeito", em inglês, para que Obama entenda o significado dos símbolos. A esposa, Michelle, as filhas e a avó queniana do presidente americano, que ainda vive no Quênia, na África, também receberiam camisas personalizadas.

Depois de dizer que gostaria de ver o Vasco "vencedor nesta disputa com o Flamengo", Roberto afirmou não estar chateado pelo fato de Patrícia ter conseguido se encontrar com o presidente americano.

- O ideal seria eu ter feito a entrega pessoalmente. Mas não estou nem um pouco chateado pelo Flamengo ter entregado a camisa ao Obama. Foi uma oportunidade que surgiu para eles, já que ele utilizou a sede do clube como área de pouso.

veja também