MENU

Dirigentes do Grêmio vão à FGF protestar contra arbitragens

Dirigentes do Grêmio vão à FGF protestar contra arbitragens

Atualizado: Terça-feira, 15 Março de 2011 as 10:03

Após quatro expulsões em dois jogos, ambos com polêmicas envolvendo jogadores e trio de arbitragem, dirigentes do Grêmio vão à Federação Gaúcha de Futebol (FGF) na tarde desta terça-feira.

O assessor de futebol César Cidade Dias e o diretor administrativo Luiz Moreira encontram-se com o presidente da entidade, Francisco Novelletto, para protestar contra as arbitragens do Campeonato Gaúcho.

Na decisão da Taça Piratini, contra o Caxias, o zagueiro Rodolfo e o centroavante André Lima receberam cartão vermelho. O atacante já havia sido substituído, e foi punido por discutir com o auxiliar Altemir Hausmann, acusando-o de ironizar sua saída por lesão.

Sábado, na abertura da Taça Farroupilha para os tricolores, mais duas expulsões na derrota para o Cruzeiro-Poa. Carlos Alberto e o técnico Renato Gaúcho foram excluídos, desta vez com acusações sobre o árbitro Márcio Coruja, que teria ofendido o jogador do Grêmio.

Dias e Moreira não devem formalizar um protesto. A intenção dos dirigentes é conversar com Novelletto, apresentar sugestões e ouvir do presidente da FGF ideias para solucionar os problemas alegados pelo Grêmio. Após a conversa, os dirigentes vão avaliar a melhor maneira de formalizar as reivindicações gremistas.      

veja também