MENU

Djokovic se aproxima de Nadal, e Bellucci sobe 14 posições no ranking

Djokovic se aproxima de Nadal, e Bellucci sobe 14 posições no ranking

Atualizado: Segunda-feira, 9 Maio de 2011 as 9:50

Adversários no saibro de Madri no último sábado, Novak Djokovic e Thomaz Bellucci foram os tenistas com mais motivos para comemorar neste fim de semana. Campeão do Masters 1.000 da capital espanhola em cima de Rafael Nadal, o sérvio quebrou a invencibilidade do número 1 do ranking no saibro e diminuiu a diferença entre eles para 1.805 pontos.

Se conquistar seu sétimo título da temporada, Nole pode ultrapassar Nadal em Roma. Para tal, o número 2 precisa sagrar-se campeão no Masters 1.000 italiano e, o espanhol, cair antes das semifinais da competição.

Djokovic e Bellucci foram os tenistas com mais motivos para celebrar no fim de semana (Foto: Getty Images) O brasileiro deu o maior salto entre os 100 melhores tenistas da ATP. Derrotado justamente por Djokovic na semifinal do torneio madrilenho, Bellucci superou dois top 10 (Andy Murray e Tomas Berdych), fez sua melhor campanha no ano e subiu 14 posições – agora é o 22º.

- Meu jogo está consistente e meu saque está fazendo a diferença. Acho que fui firme e agressivo quando precisei ser e também cauteloso e tranquilo em outros momentos. Estou sabendo dosar melhor as coisas. Isso só vem a acrescentar. Estou feliz por termos encontrado o caminho certo na quadra. Eu me sinto um vencedor – disse o paulista.

Entre os 10 mais bem colocados do mundo, o francês Gael Monfils e o espanhol Nicolás Almagro trocaram posições, e agora são nono e décimos colocados, respectivamente. Os outros dois brasileiros mais bem classificados cairam na tabela. Ricardo Mello desceu três degraus e passou a ser o 89º tenista da ATP. Rogério Dutra da Silva perdeu duas posições e agora ocupa a 140ª.

Confira a pontuação do top 10:

1. Rafael Nadal (ESP) - 12.470 pontos

2. Novak Djokovic (SER) - 10.665

3. Roger Federer (SUI) - 8.900

4. Andy Murray (GBR) - 5.905

5. Robin Soderling (SUE) - 5.265

6. David Ferrer (ESP) - 4.420

7. Tomas Berdych (RCH) - 4.035

8. Jürgen Melzer (AUT) - 3.020

9. Gael Monfils (FRA) - 2.645

10. Nicolás Almagro (ESP) - 2.495

Brasileiros:

22. Thomaz Belluci (BRA) - 1.430

89. Ricardo Mello (BRA) - 580

140. Rogério Dutra da Silva  (BRA) - 419        

veja também