MENU

Ecos de 1966: Portugal e Coreia do Norte se reencontram após 44 anos

Ecos de 1966: Portugal e Coreia do Norte se reencontram após 44 anos

Atualizado: Segunda-feira, 21 Junho de 2010 as 7:14

Pela primeira vez em 44 anos, portugueses e norte-coreanos se encontram. As duas seleções, que protagonizaram um dos jogos mais eletrizantes da história das Copas do Mundo, na Inglaterra, em 1966, se enfrentam nesta segunda-feira, às 8h30m (horário de Brasília) 15h30m (no horário sul-africano), no estádio Green Point, na Cidade do Cabo, pelo Grupo G do Mundial da África do Sul. Esse será apenas o segundo encontro das duas seleções. A partida será transmitida ao vivo pelo GLOBOESPORTE.COM, pela TV Globo e pelo SporTV.

Em 66, o jogo valeu pelas quartas de final, e Portugal levou a melhor. A partida desta segunda, por outro lado, não é um mata-mata propriamente dito, mas também é decisivo. Após perder na estreia para o Brasil, a Coreia do Norte precisa somar para seguir sonhando com a classificação às oitavas de final. Se perder, dá adeus. Já Portugal persegue sua primeira vitória (empatou com Costa do Marfim na estreia) para ter um certo conforto para o último jogo da fase de classificação, contra o Brasil.

Confira a classificação atualizada da Copa do Mundo da África do Sul

O técnico norte-coreano, Kim Jong Hun, afirmou neste domingo que o espírito de seus jogadores é de revanche. Todos assistiram ao vídeo do jogo histórico de 66 e esperam decepcionar os portugueses.

Kim Jong Hun diz que os norte-coreanos ficaram

muito tristes com a derrota em 1966 (Foto: AP) - Ficamos muito tristes com aquele derrota. Agora, faremos de tudo para tentar compensar essa decepção – disse.

Os portugueses, por sua vez, dizem que a virada histórica serve de inspiração. A Coreia do Norte abriu 3 a 0, mas com uma grande exibição de Eusébio, que marcou quatro gols, a equipe lusitana virou e vencer por 5 a 3.

- É um jogo histórico e muito importante para nós portugueses. Fazer quatro gols num jogo de Copa do Mundo não é para todos. E Eusébio, certamente, não é um qualquer - comentou o astro Cristiano Ronaldo.

Deco não joga

O técnico Carlos Queiroz não poderá contar com o meia Deco, que sente dores nas costas e foi vetado. O treinador só vai confirmar o time momentos antes da partida, mas Tiago deverá ser o substituto do brasileiro. Pelo menos foi ele quem entrou na vaga de Deco durante o jogo contra a Costa do Marfim. A ausência do jogador do Chelsea (atualmente negociando com o Fluminense) não causa muita preocupação para Queiroz.

Deco não joga, mas o treinador Carlos Queiroz não

se preocupa (Foto: Montagem sobre foto da EFE) - Durante as Eliminatórias, disputamos alguns jogos sem Deco e até sem Cristiano Ronaldo e, mesmo assim, conseguirmos jogar bem. Temos um grupo qualificado – disse.

O atacante Danny, que foi muito mal na estreia, perdeu a vaga que havia conquistado de Simão e não faz parte dos 11 titulares. Mesmo com o jejum de gols que vive, Cristiano Ronaldo é o jogador mais perigoso de Portugal para a partida. O craque, confiante, disse também não ter medo do Brasil, adversário seguinte à Coreia.

Coreia 100%

Kim Jong Hun garante que não tem nenhum jogador machucado para o jogo contra Portugal. No entanto, ele também não adiantou a escalação.

- Todos os nossos jogadores estão 100%, mental e fisicamente. Eles estão preparados para jogar bem e tentar uma vitória sobre Portugal – afirmou o treinador.

No último treino antes da partida, já no Green Point, os norte-coreanos abriram apenas 15 minutos para que a imprensa fizesse filmagens e fotos. No entanto, esse tempo pode ser bem aproveitado, já que os jogadores realizaram as atividades justamente onde ficam as câmeras.   Por Adilson Barros Direto da Cidade do Cabo, África do Sul

veja também