MENU

Em menos de quatro anos, Damião vai da várzea à Seleção Brasileira

Em menos de quatro anos, Damião vai da várzea à Seleção Brasileira

Atualizado: Quarta-feira, 30 Março de 2011 as 4:44

Leandro Damião desembarcou em Porto Alegre no início da semana com um sorriso amarelo... da cor da Seleção Brasileira. O fôlego do atacante de 21 anos também chamou a atenção. Ele jogou domingo pelo Brasil e no dia seguinte já treinou para defender o Inter na Taça Libertadores. Afinal, o jovem é o artilheiro do Colorado na temporada com 13 gols em nove jogos.   A fome de bola vem dos campos de pelada. Até os 17 anos, Leandro Damião dava expediente nos gramados de várzea. Um dos ídolos era Ronaldo, com que o jovem se encontrou no último amistoso da Seleção, em Londres. Porém, foi em Indaial, interior de Santa Catarina, onde o candidato a craque nasceu. O 15 de outubro, que disputa a Segunda Divisão Estadual, foi o seu primeiro time. Na época ele era conhecido como Leandrão.

- Nunca perguntava sobre salário, ele só queria uma oportunidade no time - garantiu o amigo João Furtado.

Que o dia o seu Jocélio. Ele reprovou Damião no primeiro teste. Só não contava com tanta persistência.

- À noite, ele conversou comigo no quarto. Não tinha experi6encia com chuteira, jogava na rua e descalço - disse o treinador.

Após se destacar no Campeonato Catarinense de 2009, o mundo se abriu para Leandro Damião. O jovem só não esperava que tudo fosse acontecer tão rápido. Em menos de quatro anos, ele saiu da várzea para a Seleção.      

veja também