MENU

Em mês de decisões, Palmeiras faz primeira parada em Santo André

Em mês de decisões, Palmeiras faz primeira parada em Santo André

Atualizado: Quarta-feira, 13 Abril de 2011 as 9:26

Wellington Paulista deve iniciar a partida no banco de reservas (Foto: Agência Estado)

  A partir desta quarta-feira, o Palmeiras passará por uma série de decisões entre Campeonato Paulista e Copa do Brasil. Até o fim de maio, o time disputa simultaneamente as fases de mata-mata das duas competições sem descanso – toda quarta e domingo tem partida decisiva. A primeira parada é contra o Santo André, a partir das 21h50m, no Bruno José Daniel, no jogo de ida das oitavas-de-final da Copa do Brasil. Contra um time já rebaixado no Paulistão, o Palmeiras vai com cautela para evitar surpresas. A novidade será a estreia de Wellington Paulista, que deve começar no banco de reservas.

Caso vá avançando nas duas competições, o Verdão terá de conviver com jogos de mata-mata ininterruptos até o fim de maio, quando começa o Campeonato Brasileiro. Entre oitavas e quartas da Copa do Brasil e fase final do Paulistão, o time pode ter até oito partidas decisivas em pouco mais de um mês. Nada que assuste o copeiro Felipão, especialista nesse tipo de disputa. Só na Copa do Brasil já são três títulos: por Criciúma, Grêmio e Palmeiras.

Do outro lado, o Palmeiras enfrentará um rival machucado pelo rebaixamento à Série A-2 do Paulista. O Santo André vai muito mal das pernas em 2011 depois de ter sido vice-campeão estadual no ano passado. Porém, o time do ABC se apega à partida deste ano contra o Verdão, pela primeira fase do Paulista: um 0 a 0 arrancado dentro do Pacaembu, mesmo com um jogador a menos.     O GLOBOESPORTE.COM acompanha a partida em tempo real a partir das 21h50m. A TV Globo transmite para os estados de SP e MS. A arbitragem fica por conta de Guilherme Cereta de Lima, auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho e Márcio Luiz Augusto.

Santo André: .a salvação da temporada. Rebaixado no Campeonato Paulista, o time treinado por Sandro Gaúcho joga pela dignidade na Copa do Brasil. Mesmo que seja eliminado nas oitavas, o Ramalhão quer complicar ao máximo a vida alviverde.

Palmeiras: a tranquilidade para decidir o jogo no Pacaembu, na próxima quinta. Como não há mais a possibilidade de eliminação no primeiro jogo, o time quer ao menos fazer gols fora de casa para levar vantagem em um possível critério de desempate. Felipão descarta o favoritismo no duelo.

Santo André: Sandro Gaúcho terá dois desfalques em relação à equipe que vem jogando: Valmir, ex-Palmeiras, e Altair sofreram lesões no tornozelo na partida do fim de semana, contra o São Bernardo, e estão fora. Denis e Vitor Hugo devem ser os substitutos. O time: Neneca, Marcelo Godri, Vitor Hugo, Anderson e Dênis; Wallax, Magno, Aloísio e Rychely; Borebi e Célio Codó.

Palmeiras: Cicinho, Rivaldo e Kleber voltam depois de terem cumprido suspensão no Campeonato Paulista. Valdivia deve ser titular no lugar de Lincoln, que foi poupado por conta de um desgaste físico acentuado. No ataque, a dúvida fica entre Luan e Adriano, com vantagem para o primeiro, que sabe fechar melhor o meio-campo. O time deve entrar com Deola, Cicinho, Danilo, Thiago Heleno e Rivaldo; Márcio Araújo, Marcos Assunção, Tinga e Valdivia; Luan (Adriano) e Kleber.

Santo André: o meia Rychely é o armador de jogadas do Ramalhão e conta com velocidade impressionante para tentar superar a defesa palmeirense. Todas as jogadas passam por ele.

Palmeiras: o lateral-direito Cicinho volta ao time e vai reencontrar o Santo André, onde jogou até o fim do ano passado. Ele saiu da equipe do ABC após três meses de salarios atrasados, e volta pela primeira vez ao Bruno José Daniel. Vale observar se haverá reação negativa da torcida local, que será minoria no estádio.

Luiz Felipe Scolari, técnico do Palmeiras: "O importante é que ganhe, mas se não ganhar, que tenhamos um resultado com gols. Um 0 a 0 nunca é um grande resultado quando se joga fora de casa. Vamos tentar um resultado positivo lá e encaminhar a situação para o segundo jogo ".

Cicinho, lateral do Palmeiras: "Conheço alguns jogadores que passaram por lá, tem o Rychely, que corre demais e vai ser um perigo para a defesa. Desejo o melhor para eles e que saiam logo dessa situação difícil, mas não contra nós " .

* Em dois jogos pela Copa do Brasil, Palmeiras e Santo André empataram as duas, mas o Ramalhão levou a melhor e se classificou. Foi em 2004, nas quartas-de-final da competição: 3 a 3 no Bruno José Daniel e 4 a 4 no Palestra Itália, em jogo dramático para os palmeirenses. No fim, o Santo André acabou campeão.

* O atual técnico do Santo André, Sandro Gaúcho, foi o carrasco da eliminação palmeirense naquela Copa do Brasil. Ele fez dois gols no empate por 4 a 4 no Palestra.

* Se não perder, o Palmeiras vai ultrapassar uma série invicta obtida em 2008 com o técnico Vanderlei Luxemburgo, que ficou 14 jogos sem derrotas entre fevereiro e abril daquele ano. A equipe de Luiz Felipe Scolari, em 2011, soma as mesmas 14 partidas invicta. A última derrota foi para o Corinthians, em fevereiro.

  Há menos de um mês, em 5 de março, Palmeiras e Santo André duelaram no Pacaembu e ficaram no empate sem gols. Na ocasião, o Verdão perdeu muitas oportunidades mesmo com um jogador a mais em campo desde o primeiro tempo - Gilberto foi expulso. No fim, o time saiu vaiado, mas deu a volta por cima nos jogos seguintes e chegou à liderança do Paulistão.

veja também