MENU

Em noite de duelos particulares, Flu e Grêmio medem forças pelo título

Em noite de duelos particulares, Flu e Grêmio medem forças pelo título

Atualizado: Quinta-feira, 28 Outubro de 2010 as 1:36

Muricy x Renato. Conca x Douglas. Washington x Jonas. Em uma partida marcada por inúmeros bons duelos particulares, Fluminense e Grêmio entram no gramado do Engenhão, nesta quinta-feira, às 21h (de Brasília), pela 32ª rodada, para se aproximarem de um desejo comum a todos: o título do Brasileirão. Apesar de separados por sete pontos na tabela, dois dos maiores tricolores do país sonham com a conquista e prometem um jogão para fazer jus a suas empolgantes campanhas na competição.

Melhor equipe do primeiro turno, o Fluminense de Muricy Ramalho chama a atenção pela regularidade e, pela 17ª rodada, entra em campo na primeira posição. Com 54 pontos, está ao lado de Cruzeiro e Corinthians, mas leva vantagem no saldo de gols: tem 18, contra 15 dos paulistas e 11 dos mineiros. Só uma vitória, porém, garante sem sustos a manutenção da liderança, uma vez que a Raposa ainda encara o Prudente, sábado.

Já o Grêmio tem a melhor campanha do segundo turno e devagarzinho se aproxima do topo da tabela para ser o “intruso” da festa. Com 47 pontos, ocupa a sétima colocação, mas passa a ver as chances de título com maior clareza caso consiga um triunfo no Rio de Janeiro. Entretanto, a meta inicial é entrar no G-4 (ou G-6) e para isso precisa vencer e secar o Botafogo contra o Atlético-MG, sábado.

O paranaense Heber Roberto Lopes, do quadro da Fifa, apita a partida, auxiliado pelos conterrâneos Gilson Bento Coutinho e José Amilton Pontarolo. O GLOBOESPORTE acompanha todos os lances do jogo em Tempo Real, com vídeos.

O QUE ESTÁ EM JOGO

Fluminense: novamente líder do Brasileirão, o Tricolor entra em campo para se manter nesta colocação. Com o empate por 1 a 1 com o Flamengo, o Corinthians já não é mais uma ameaça na rodada, mas o Cruzeiro encara o Grêmio Prudente sábado e pode roubar a primeira posição. Por isso, vencer é fundamental.

Grêmio: o Tricolor vem fazendo campanha irretocável no returno do Brasileiro. O time briga por uma vaga na Libertadores, mas se vencer nesta quinta se credencia a lutar também pelo título. Uma derrota deixará esse sonho muito longe.

ESCALAÇÓES

Fluminense: para variar, o Flu entra em campo cheios de desfalques. E novos desfalques. Dessa vez, Diogo, com um problema no ligamento do joelho direito, Rodriguinho e Tartá, suspensos, estão fora - sem contar Fred, Emerson e Deco, lesionados. Com isso, Muricy tem apenas Washington para escalar no ataque. A dúvida, porém, está entre os esquemas 3-6-1 e 4-5-1. Com ligeira vantagem para o segundo, treinado na maior parte do tempo no coletivo de quarta-feira. A tendência é que a escalação seja Ricardo Berna, Mariano, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Valencia, Diguinho, Marquinho, Julio Cesar e Conca; Washington.

Grêmio: Renato Gaúcho não deve mexer muito na estrutura da equipe que vem jogando. Vilson será mantido improvisado no meio no lugar de Adilson. Ferdinando deve ocupar a outra vaga na cabeça-de-área já que Rochembck está suspenso. A provável formação do time é: Victor, Gabriel, Paulão, Rafael Marques e Fábio Santos; Vilson, Ferdinando, Lúcio e Douglas; Jonas e André Lima.

QUEM ESTÁ FORA

Fluminense: no departamento médico, Diogo, Fred, Emerson e Deco estão vetados para a partida. Além de Rodriguinho e Tartá, suspensos pelo terceiro cartão amarelo.

Grêmio: Adilson e Rochemback estão suspensos. Mário Fernandes, Willian Magrão e Borges estão machucados.

PENDURADOS

Fluminense: Marquinho é o único tricolor pendurado.

Grêmio: Ozeia, Fábio Santos, Gilson, Willian Magrão e Souza.

FIQUE DE OLHO

Fluminense: reserva de Carlinhos na lateral esquerda, Julio César provavelmente será a surpresa tricolor no meio-campo. Com a ausência de atacantes e de Deco, ele foi testado por Muricy Ramalho na posição caindo pelo lado direito de ataque.

Grêmio: Jonas, o artilheiro do Brasilerão, está voando em campo. Com 20 gols, o atacante é a esperança de gols do Tricolor para a partida.

O QUE ELES DISSERAM

Muricy Ramalho, técnico do Flu: "Não temos que nos preocupar só com o Jonas. Tem o Douglas, o André Lima... O time do Grêmio em geral é muito bom. O time todo. Eles estão inteiros e vai ser complicado. Teremos que lutar muito. É decisão, é dificílimo, mas com um resultado positivo vamos brigar pelo título".

Douglas, meia do Grêmio:  “O Fluminense tem um ataque muito forte, com jogadores de muita qualidade. E ainda tem o Conca, que está em ótima fase. Temos que entrar com muita seriedade”.

NÚMEROS E CURIOSIDADES

* Este é o quarto confronto entre Fluminense e Grêmio na temporada. As duas equipes se enfrentaram nas quartas de final da Copa do Brasil, e os gaúchos levaram a melhor com duas vitórias: 3 a 2 no Rio de Janeiro e 2 a 0 em Porto Alegre. O troco dos cariocas aconteceu no turno do Brasileirão, com um 2 a 1 no Olímpico.

* Na história do Brasileirão, Fluminense e Grêmio se enfrentaram 37 vezes, com vantagem para o Tricolor do Rio de Grande do Sul. Foram 15 vitórias, contra 12 do Flu e 10 empates.

* Apesar de líder, o Flu não vence há cinco partidas, enquanto o Grêmio não sabe o que é perder há nove.

ÚLTIMO CONFRONTO

Fluminense e Grêmio se enfrentaram no dia 8 de agosto, no Estádio Olímpico, em Porto Alegre, em momentos completamente opostos. Enquanto os cariocas já ocupavam a liderança, o time gaúcho vivia um pesadelo sob o comando de Silas, na zona de rebaixamento. Diante do panorama, não foi surpresa o triunfo do Tricolor das Laranjeiras por 2 a 1, com gols de Mariano e Emerson. André Lima, ex-Flu, descontou no fim.

Por: Cahê Mota, Diego Rodrigues e Thiago Fernandes

veja também