MENU

Em visita ao Milan, Berlusconi lamenta saída de Gaúcho

Em visita ao Milan, Berlusconi lamenta saída de Gaúcho

Atualizado: Terça-feira, 4 Janeiro de 2011 as 11:55

Enquanto o vice-presidente do Milan, Adriano Galliani, permanece no Rio de Janeiro para resolver a negociação de Ronaldinho Gaúcho, o dono do clube e primeiro ministro da Itália, Silvio Berlusconi, resolveu dar as caras. O chefão rossonero aproveitou o período de estadia do elenco em Roma após intertemporada em Dubai, nos Emirados Árabes, e comentou todos os assuntos que envolveram o time nos últimos dias. A saída do craque brasileiro, é claro, foi abordada sem a formalidade que todos imaginavam.

– Mas porque me esperam de pé? Sentem-se, rapazes – disse, bem-humorado, antes de começar o papo de cerca de meia-hora com a equipe.

– Estou muito triste pela escolha do Dinho, que é o melhor jogador do mundo quando o assunto é a rapidez da mente e execução, mas muito contente com a chegada de Cassano, o mais talentoso jogador italiano – afirmou.

Berlusconi também brincou com os jogadores, em especial o atacante brasileiro Alexandre Pato, alvo de recentes lesões musculares que o fizeram até ir para os Estados Unidos realizar exames mais detalhados.

– Na sua idade você não devia se machucar – contou.

O dono do Milan aproveitou o encontro também para conversar com o técnico Massimiliano Allegri, expressando sua satisfação pela vitória no amistoso contra o Al Ahli, no último domingo, por 2 a 1.

Partida na qual o atacante Robinho lesionou o joelho e levou dez pontos por conta de um forte choque com uma câmera de TV. O atacante brasileiro amanheceu a terça-feira melhor da contusão e não deve ser problema para a partida contra o Cagliari, na quinta-feira, no retorno do Campeonato Italiano. O seu companheiro, o sueco Zlatan Ibrahimovic, está suspenso e será desfalque.

veja também