MENU

Embalado por retornos, Corinthians se recupera e goleia o Sertãozinho

Embalado por retornos, Corinthians se recupera e goleia o Sertãozinho

Atualizado: Segunda-feira, 8 Fevereiro de 2010 as 12

O Corinthians deixou para trás a má atuação da última quarta-feira. Com nove titulares em campo, a equipe se recuperou em grande estilo no Paulista ao vencer o Sertãozinho por 4 a 0 neste sábado, dia 6, no Pacaembu, pela sétima rodada. O triunfo foi construído com atuações decisivas de titulares poupados na derrota para a Ponte Preta no meio de semana. O resultado reconduziu a equipe alvinegra à liderança.

"É importante vencer da maneira que vencemos, com um placar maior que dá mais confiança à equipe", exaltou Mano Menezes. "Hoje foi a vitória de um time que quer muito e está melhorando jogo a jogo. O Corinthians demonstrou que é um time muito forte", emendou Roberto Carlos.

Do time considerado ideal para este início de temporada, apenas Ronaldo e Danilo não jogaram. Roberto Carlos, Elias, Tcheco, Marcelo Mattos e Jorge Henrique retornaram e não decepcionaram. Os dois últimos conseguiram estufar as redes. Tcheco deu a assistência para o gol de Chicão. E Edno completou o placar no final.

A força do Corinthians e a fragilidade do Sertãozinho resultaram em uma apresentação convincente dos alvinegros. Com o resultado, a equipe de Mano Menezes chegou aos 14 pontos e dormirá na liderança. No domingo, porém, perderá pelo menos uma posição e poderá cair mais. O Sertãozinho, por sua vez, segue com quatro pontos, na zona de rebaixamento.

A volta dos cinco titulares fez o Corinthians deste sábado ser totalmente diferente do Corinthians que perdeu da Ponte Preta na última quarta-feira. Os reforços deram uma cara nova à equipe. A qualidade dos passes melhorou, assim como a movimentação ofensiva.

Assista aos gols:

E logo um desses titulares teve participação decisiva. Aos 8min, Tcheco cruzou da direita, o goleiro Luiz Henrique não conseguiu segurar e Chicão aproveitou para fazer 1 a 0. O gol deu ainda mais tranquilidade ao Corinthians, superior em todo o primeiro tempo.

O Sertãozinho teve dez minutos de inspiração. Acertou um chute na trave e outros dois pararam em Felipe. Foi só. O restante das ações ofensivas foi dos anfitriões. Jorge Henrique, Dentinho e Iarley tentaram fugir da marcação apostando na velocidade e na movimentação. Luiz Henrique teve trabalho e fez pelo menos três importantes defesas.

Destaque da equipe neste início de temporada, Jorge Henrique foi perseguido de perto pelos marcadores. Mesmo assim, conseguiu achar espaço para fazer um belo gol, seu terceiro neste Paulista. De primeira, o camisa 11 acertou chute preciso de fora da área e colocou a bola no canto esquerdo. Festa na arquibancada e justiça ao melhor futebol apresentado pelo Corinthians.

"O time foi bem. Estamos conseguindo tocar bem a bola e tivemos calma para fazer as jogadas", analisou Jorge Henrique. "O time está se soltando mais. Vamos tentar aumentar o marcador", emendou Roberto Carlos, de volta ao time após cumprir suspensão automática.

O desejo do lateral-esquerdo se realizou. E foi dele o passe para Marcelo Mattos anotar o terceiro gol aos 15min da etapa final, em chute da entrada da área. Emocionado, o volante comemorou chorando seu primeiro gol desde que voltou ao Parque São Jorge. Recebeu o abraço dos companheiros e deixou a situação corintiana na partida ainda mais confortável.

Quem também pôde comemorar o primeiro gol pelo Corinthians foi Edno. Contratado no meio de 2009, o meia-atacante entrou no lugar de Iarley e deixou sua marca aos 38min, após receber assistência de Jorge Henrique. Elias por pouco não fez o quinto gol, acertando a trave.

Por: Alexandre Sinato

veja também