MENU

Empresário diz que Dagoberto fica e avisa: 'Não adianta forçar a saída dele'

Empresário diz que Dagoberto fica e avisa: 'Não adianta forçar a saída dele'

Atualizado: Quarta-feira, 18 Agosto de 2010 as 7:47

Se a diretoria do São Paulo estava pensando em negociar o atacante Dagoberto com o Metalist (UCR), é bom rever seus planos. Em reunião realizada na tarde desta terça-feira entre o camisa 25 e o seu empresário, Marcos Malaquias, ficou definido que o jogador não vai para a Ucrânia. Com isso, ou o Tricolor apresenta uma outra proposta ou continuará com Dagoberto no seu elenco.

- Fizemos uma videoconferência à tarde e apresentei ao Dagoberto a proposta do Metalist. Ele não se entusiasmou e disse que quer continuar. Como a opinião do atleta precisa prevalecer, ele vai continuar no São Paulo, onde se sente muito bem. Tenho certeza de que ele vai recuperar seu espaço e dar a volta por cima – afirmou o empresário ao GLOBOESPORTE.COM.

Malaquias inclusive aproveitou para deixar claro que qualquer negócio só acontecerá se Dagoberto concordar.

- Não adianta ninguém querer forçar a saída do Dagoberto que isso não vai acontecer. Tem de ser algo bom para as duas partes. Ele quer fazer um grande Campeonato Brasileiro para receber uma proposta mais vantajosa e de um grande centro do futebol – ressaltou Malaquias.

Dagoberto caiu em desgraça com parte da diretoria após a eliminação do São Paulo da Taça Libertadores da América. Apesar de todo o time ter ido muito mal na partida de ida contra o Internacional, em Porto Alegre, o camisa 25 foi criticado por sua falta de interesse. Tanto que, quando Ricardo Gomes saiu e Sérgio Baresi assumiu, coincidentemente, o atacante foi barrado e virou reserva.

O jogador tem contrato com o clube do Morumbi até dezembro de 2012. Vale lembrar que, em caso de qualquer negociação, o São Paulo ficará com 75% do valor e o atleta e seus representantes com o restante.

veja também