MENU

Estudioso, Loco afirma que sistema tático é o diferencial do Botafogo

Estudioso, Loco afirma que sistema tático é o diferencial do Botafogo

Atualizado: Quarta-feira, 31 Agosto de 2011 as 11:43

Loco Abreu destaca o 'novo Botafogo'

(Foto: Cezar Loureiro / Agência O Globo)

  Loco Abreu não é chegado a dar várias entrevistas, talvez por achar que não tenha muita coisa interessante para falar semanalmente, talvez por não ter muita paciência para a sabatina de perguntas dos jornalistas. Mas uma coisa é certa, quando o uruguaio expõe sua opinião, ela também não é corriqueira no linguajar comum do jogador de futebol.

Sem frases feitas ou bajulações, e entre algumas “caneladas” nos jornalistas e respostas mais completas, Abreu chamou atenção ao elogiar, diversas vezes, a forma tática como atua o time de Caio Júnior.

- O que eu vejo, hoje, no time do Botafogo é uma equipe que sabe como vai jogar, só se preocupa em jogar futebol e nada mais, e graças a Deus está dando certo. Hoje não somos só individual, mas também coletivo. Sempre falo para os jogadores, aqui não é Herrera Futebol Clube e nem Loco Futebol Clube. Essa é uma característica do time, não sei se faz diferença, mas é nosso jeito de jogar. Taticamente estamos sabendo jogar – afirmou Abreu para depois completar.

- Para mim fico tranquilo quando o time joga futebol, quando o time faz o certo taticamente. A maior virtude do Botafogo é que para ganhar tem que jogar bem. Garra, raça e vontade todo mundo tem, mas saber jogar futebol, nem todos podem, e nós estamos fazendo. O importante é que taticamente estamos encaixados – concluiu.

Após analisar a questão tática do time, Loco citou como exemplo a função de Maicosuel nos últimos jogos. Na opinião do uruguaio, mesmo o Mago não estando aparecendo tanto individualmente, taticamente ele vem mostrando o quanto pode evoluir no futebol.

- Ele está aprendendo a fazer outro tipo de jogo, está com uma função tática fundamental. No futuro do futebol, isso que ele está aprendendo, será muito importante, acho que ele está desfrutando um novo Maicosuel. Na partida contra o Fluminense, foi ele quem deu o primeiro combate no Mariano, não o deixando chegar com tanta facilidade no campo de ataque – explicou.

Abreu não demonstrou preocupação com a questão do Botafogo ficar mais visado, marcado pelos adversários, já que vem chamando a atenção depois de alguns resultados expressivos.

- Jogar em time grande é assim. Se queremos ser protagonistas, temos que saber encarar isso, mas hoje, com tanta versatilidade de nossos atletas, o time fica imprevisível, e isso para nós é fundamental.

Para finalizar, o camisa 13 analisou o Palmeiras, adversário desta quarta-feira, às 21h50m, no Engenhão.

- Adversário direto, tem um ótimo time, ótimo elenco, sistema tático muito definido, melhor bola parada com o Marcos Assunção, mas a gente acredita que podemos ganhar, pegar o primeiro lugar ou, pelo menos, afastar os concorrentes – avaliou.            

veja também