MENU

Falta de ultrapassagens faz chefão pedir adoção de chuva artificial na F-1

Falta de ultrapassagens faz chefão pedir adoção de chuva artificial na F-1

Atualizado: Terça-feira, 1 Março de 2011 as 4:04

Chefe comercial da Fórmula 1, Bernie Ecclestone não está satisfeito com as medidas tomadas pelos dirigentes da categoria sobre a falta de ultrapassagens para a temporada 2011. Conhecido pelas frases polêmicas, ele acha que as equipes deveriam considerar medidas mais radicais, como molhar o asfalto de forma artificial durante as corridas, para trazer mais emoções à F-1.

- Olhem para as corridas que temos agora. Ultrapassar é quase impossível porque, no seco, existe apenas uma linha boa para os carros por causa da borracha no asfalto. A situação muda no molhado. Sempre tivemos provas emocionantes, por isso temos de pensar em fazer chuva... Temos circuitos com sistemas de chuva artificial e não seria caro adotar a solução em todas as pistas. Por que não no meio da corrida? Por 20 minutos ou nas últimas dez voltas? Talvez com um aviso dois minutos antes. O suspense estaria garantido e seria igual para todos - diz Ecclestone, em entrevista ao site oficial da Fórmula 1.

Ecclestone não acredita que as novas regras das asas traseiras móveis serão um sucesso. Ele acha que existem outras maneiras de fazer isso e acha que apenas os telespectadores gostarão.

- Será muito difícil de controlar pelos comissários, porque a janela de uso é muito pequena. As chances de confusão são muito grandes, quase inevitáveis. Para mim, o sistema parece bem perigoso. E se as asas não voltarem à posição normal antes da curva e o carro perder pressão aerodinâmica? Poderemos ter acidentes. Temos de observar isso com cuidado.    

veja também