MENU

Felipão diz que time demonstrou seriedade e critica torcida em Barueri

Felipão diz que time demonstrou seriedade e critica torcida em Barueri

Atualizado: Segunda-feira, 29 Novembro de 2010 as 9:50

O técnico Luiz Felipe Scolari garantiu que os jogadores do Verdão atuaram com seriedade, neste domingo, na Arena Barueri. Apesar da vitória do Fluminense por 2 a 1, resultado que não ajudou o rival Corinthians, o treinador palmeirense descartou qualquer possibilidade de o time ter entregado o jogo. Segundo ele, o abatimento pela inesperada eliminação da Copa Sul-Americana pode ter afetado a equipe.

- Jogador de futebol jamais vai fazer uma sacanagem, porque ele sabe que vai ser cobrado pelo seu técnico. Lá no Sul dizem que cachorrro comedor de linguiça, só matando. Seriedade os jogadores do Palmeiras mostraram. Nas chances que tivemos, os jogadores aproveitaram e concluíram. Não construímos muitas chances, assim como não tivemos contra o Goiás. Ainda não caiu a ficha da derota para o Goiás, os jogadores estão abatidos. Vamos defender as nossas cores, e nossa cor é verde. Dirigente, torcida organizada podem falar o que quiserem, mas nós somos profissionais e vamos fazer o nosso trabalho. As mesmas dificuldades que o Fluminense teve lá no Maracanã, teve aqui - disse Scolari.

Ao ser questionado especificamente se Kleber e Marcos Assunção se esforçaram no jogo, Felipão não viu nada de anormal e elogiou a atuação dos dois atletas.

- Boa. Tranqüila, dentro daquilo que a gente pediu.  A atuação do Marcos Assunção foi normal, só que ele tomou uma pancada na canela e teve que sair. Só porque ele errou uma falta? Ele também errou em outro jogos. Vocês veem chifre em cabeça de cavalo.

O treinador não gostou e fez críticas ao comportamento dos poucos torcedores palmeirenses presentes na Arena Barueri. A torcida xingou jogadores e pediu para que a equipe facilitasse a partida para o Flu.

- É um absurdo, é ridículo pedir pa-ra fazer uma coisa errada para prejudicar ou favorecer alguém. Eu só que pedir desculpas à verdadeira torcida do Palmeiras, que são aqueles que estiveram no Pacembu na quarta-feira, os de hoje (domingo), não. Aqui eu só vi a torcida do Fluminense, não vi a torcida do Palmeiras - afirmou o comandante alviverde.

Por: Tiago Leme e Marcelo Prado

veja também