MENU

Felipão justifica início com Patrik no banco de reservas: 'Falta ritmo'

Felipão justifica início com Patrik no banco de reservas: 'Falta ritmo'

Atualizado: Segunda-feira, 23 Maio de 2011 as 2:51

Felipão quer aguardar para promover Patrik a titular (Foto: Ag. Estado)

  O meia Patrik treinou a semana toda como titular, mas iniciou no banco a partida contra o Botafogo, domingo, em São José do Rio Preto. Após um primeiro tempo apagado de Tinga, o técnico Luiz Felipe Scolari lançou o camisa 40 na segunda etapa e não se decepcionou. Patrik mudou o jogo, dando dinâmica ao meio-campo palmeirense e liberando Kleber para resolver lá na frente. Em pouco tempo, o Gladiador fez um golaço e deu a vitória por 1 a 0 ao Alviverde.

Felipão admitiu que perdeu qualidade no meio ao apostar em Tinga, mas justificou a escalação com o fato de Patrik ainda estar retornando de uma lesão muscular na coxa esquerda, sofrida no início de abril. Para preservar o meia, o técnico prefere esperar um pouco mais para recolocá-lo entre os titulares.

- O Patrik vinha bem, mas teve uma lesão. Muitas vezes tem um ou outro probleminha a mais, um quilo, dois quilos, e falta ritmo de jogo. Por isso, precisa de um pouco mais de tempo para começar jogando. Precisa melhorar um pouco nesta semana para poder jogar desde o início - explicou Felipão.

Quem mais sentiu a diferença foi o atacante Kleber. No primeiro tempo, o Gladiador teve de voltar várias vezes para buscar a bola no meio-campo e foi anulado pelos zagueiros botafoguenses. Com a entrada de Patrik, o atacante ganhou a companhia de um jogador que também chama a atenção dos marcadores. Por isso, ele pôde ficar mais fixo na área e teve mais espaços para atuar. Feliz, o Gladiador elogiou a entrada do meia.

- No primeiro tempo estávamos com dificuldade. Mas aí o Patrik entrou bem pelo meio, e é diferente do Tinga, que joga mais aberto. No segundo tempo nosso time criou mais e aí saiu o gol. O time está de parabéns porque todo mundo correu - disse o atacante.

Com a boa atuação, Patrik dá mais um passo para retomar a vaga de titular no Palmeiras. A intenção da comissão técnica é deixá-lo 100% para o jogo contra o Cruzeiro, no próximo domingo, em Sete Lagoas-MG.          

veja também