MENU

Felipão reprova reclamações do rival. Carpegiani rebate: 'Ele chora muito'

Felipão reprova reclamações do rival. Carpegiani rebate: 'Ele chora muito'

Atualizado: Segunda-feira, 28 Fevereiro de 2011 as 8:31

O São Paulo reclamou muito da arbitragem no empate por 1 a 1 contra o Palmeiras, neste domingo, no Morumbi.

A expulsão de Alex Silva, no início do segundo tempo, foi alvo de protestos dos tricolores, que se sentiram prejudicados no clássico. Do lado alviverde, o técnico Luiz Felipe Scolari viu a reação são-paulina como injusta e afirmou ter observado mais lances duvidosos contra o Palmeiras.

- Se olharem na televisão, pelo que vi agora, nós é que temos de reclamar. No último lance, do Gabriel Silva, ele não estava impedido e era uma chance viva de gol. O atleta do São Paulo deu um cascudo no Adriano. O São Paulo quer lançar esse problema com arbitragem para num próximo jogo ser beneficiado.

Ao saber da declaração do palmeirense, o técnico Paulo César Carpegiani não perdoou. Reiterou as reclamações do São Paulo e se disse acostumado às reações do comandante do Palmeiras.

- Temos sempre de dar um desconto ao que o Felipe fala. Ele sempre chora bastante. O que reclamo é dos critérios da arbitragem que não são os mesmos - esclareceu Carpegiani.

Para Felipão, a arbitragem de Marcelo Aparecido de Souza foi boa, apesar da conivência com as repetidas faltas em cima de Valdivia. O chileno foi o mais caçado pela defesa do São Paulo durante todo o clássico.

- Toda bola que o Valdivia pegou no primeiro tempo teve falta. O Cicinho pegava a bola, íamos fazer uma jogada e aconteciam as faltas. A arbitragem tem de punir com os cartões, porque tem jogadores de qualidade que não pode jogar. Mas para o árbitro, eu daria nota 7,5 ou 8. Foi excelente, fez o que tinha de fazer - ressaltou Felipão.      

veja também