MENU

Feliz com os resultados, diretoria do Coxa pensa em metas para 2012

Feliz com os resultados, diretoria do Coxa pensa em metas para 2012

Atualizado: Quarta-feira, 7 Dezembro de 2011 as 2:30

Objetivo do Coritiba é repetir o gesto mais vezes

(Foto: Agência Estado) No ano do retorno do Coritiba para a elite do futebol brasileiro, o clube vivenciou uma temporada acima das expectativas traçadas pela sua diretoria. Com um bicampeonato Paranaense invicto, a final da Copa do Brasil e o recorde mundial de 24 vitórias seguidas, o Coxa chegou até a sonhar com a vaga na Libertadores, que escapou com a derrota na para o Atlético-PR na última rodada do Campeonato Brasileiro.

Para o superintendente de futebol, Felipe Ximenes, o ano foi positivo. Em sua análise, como o Coritiba estava retornando para a primeira divisão, 2011 era considerado para reconstrução. Ele ainda lembrou da campanha do time, que perdeu apenas 15 das 72 partidas que disputou.

- Disputamos 72 partidas e apenas 15 derrotas em três competições que chegamos ao final delas com condições de conquistar posições importantes. Para uma equipe que estava voltando da Série B, é uma condição difícil. Vencemos uma janela de transferências, mantendo praticamente todo o elenco - avalia.

Para a próxima temporada, o presidente eleito do Coritiba, Vilson Ribeiro, a intenção é repetir o desempenho, sem prometer títulos ou finais, mas mantendo o mesmo embalo de 2011, porém de uma maneira mais decisiva.

- O nosso objetivo é procurar repetir as boas atuações e conquistas deste ano - completa Andrade.

Técnico Marcelo Oliveira e Felipe Ximenes

(Foto: Gabriel Hamilko / GloboEsporte.com) Na opinião de Ximenes, a única maneira de repetir o sucesso atual e conquistar novos passos, como uma vaga na Copa Libertadores da América, é só com o trabalho duro e pensando alto.

- Pensar alto é trabalhar duro. Não conheço outra forma de trabalho que seja dormir tarde e acordar cedo. É assim que a gente fez, ter consciência das limitações. Acho que o Coritiba deu prova, inclusive para a comunidade paranaense, que quando você acredita em um sonho, você precisa lutar e tentar tornar realidade - finaliza o gerente de futebol.        

veja também