MENU

Ferrari afirma que não venderá ações na Bolsa de Valores como a Williams

Ferrari afirma que não venderá ações na Bolsa de Valores como a Williams

Atualizado: Terça-feira, 15 Fevereiro de 2011 as 3

Enquanto a Williams se prepara para vender 27% de seus papéis na Bolsa de Frankfurt no dia 2 de março, o presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, nem cogita a hipótese de financiar a escuderia italiana no mercado de capitais. Montezemolo afirmou que a equipe não vai colocar suas ações à venda na Bolsa de Valores e talvez nunca precisará desse artifício.

- Talvez em três anos, quatro ou cinco. Não há nenhum projeto agora. Talvez nunca venha a existir - disse Montezemolo, segundo o site "Motorsport".

O time inglês surpreendeu em entrar na Bolsa de Valores por ter uma atitude nunca antes vista na história da Fórmula 1. No entanto, o presidente Frank Williams garantiu que a equipe não passa por problemas financeiros atualmente e a medidade é para "assegurar uma estrutura societária sustentável para o futuro do time".      

veja também