MENU

Festival de peladas inaugura o Soccer City, principal estádio do Mundial

Festival de peladas inaugura o Soccer City, principal estádio do Mundial

Atualizado: Sexta-feira, 26 Março de 2010 as 12

O Soccer City, principal estádio da Copa do Mundo, foi inaugurado nesta sexta-feira em Joanesburgo com um festival de peladas. O primeiro jogo no gramado que receberá a abertura e o encerramento do Mundial foi entre o Africa Legends, formado por ex-jogadores, e o Councillor, time de vereadores. O Legends venceu por 9 a 3 e teve a honra de marcar o primeiro gol do estádio, com o ex-atacante Rio Michabela, de 49 anos. Ele recebeu cruzamento da direita e, da entrada da pequena área, acertou uma meia-bicicleta. Golaço.

- Tem sempre a primeira vez para tudo, nunca é tarde pra fazer história. É uma honra ter feito o primeiro gol do Soccer City. Sempre sonhei jogar uma Copa do Mundo, mas meu tempo passou. Agora estou velho e só posso torcer para que os mais jovens aproveitem este estádio como eu aproveitei hoje - disse Rio.

Rio jogou o campeonato sul-africano nas décadas de 80 e 90 e atuou várias vezes no antigo Soccer City, praticamente colocado abaixo para a Copa do Mundo. O estádio manteve apenas sua estrutura, mas passou por uma reforma que o transformou em um dos mais belos e modernos do mundo. No total, vai receber oito partidas do Mundial, incluindo Brasil e Costa do Marfim e a decisão do torneio.

- Não há como comparar o estádio antigo com esse, na minha época não tínhamos toda essa estrutura para jogar futebol. Depois desse gol de hoje vou ver se consigo um ingresso para voltar aqui no jogo de abertura - ressaltou Rio.

Em seu primeiro evento, o Soccer City recebeu apenas cinco mil espectadores, abaixo da expectativa inicial dos organizadores que era de 30 mil. Os torcedores eram, em sua maioria, funcionários públicos e operários que participaram da construção do estádio. A arena foi aberta parcialmente apenas para testar o acesso ao público, a segurança e instalações como os banheiros.

Parte do entorno do Soccer City, no entanto, ainda está em obras. Os próximos testes devem ser em abril, para um público de 50 mil pessoas, e em maio, para 90 mil, capacidade máxima. Tudo para que ele esteja pronto daqui a 77 dias, em 11 de junho, quando a África do Sul encara o México na abertura do Mundial.

Por: Rafael Pirrho

veja também