MENU

Flamengo vira sobre Resende e vai à semifinal da Taça Guanabara

Flamengo vira sobre Resende e vai à semifinal da Taça Guanabara

Atualizado: Sábado, 18 Fevereiro de 2012 as 8:51

iG São Paulo

Time comandado por Joel Santana conquista vitória por 3 a 1 e se classifica em segundo lugar no Grupo A, atrás do Botafogo

O Flamengo sofreu, mas conseguiu sair do Estádio Raulino de Oliveira neste sábado com a classificação para a semifinal da Taça Guanabara. O Resende até saiu na frente, mas o time comandado por Joel Santana mostrou força e chegou à virada, conquistando a vitória por 3 a 1.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Todos os gols foram marcados no segundo tempo. Marcelo Régis abriu o placar em favor do Resende logo aos três minutos e deu aos mandantes a esperança de classificação. A alegria do time da casa não durou muito tempo. Aos 13, Ronaldinho Gaúcho empatou o jogo. Quatro minutos depois, Vágner Love marcou o gol da virada. Foi a primeira vez que o atacante balançou as redes desde a sua reestreia pelo clube. Negueba fez o terceiro do Flamengo aos 37 e definiu o confronto.

Confira a classificação do Campeonato Carioca

Com o resultado, o Flamengo encerrou a primeira fase da Taça Guanabara com 15 pontos e se classificou em segundo lugar. O Botafogo teve o mesmo número de pontos, mas levou a melhor nos critérios de desempate. Já o Resende ficou estacionado nos 12 e viu a vaga na fase decisiva escapar.

O adversário do Flamengo na próxima fase será o Vasco, que já garantiu o primeiro lugar do Grupo B.

O jogo

O Resende iniciou o jogo a todo vapor, e marcando forte o Flamengo. Ronaldinho Gaúcho recebia marcação individual do volante Léo Silva, e o time de Joel Santana tinha dificuldades para penetrar.

Com o sol forte e o calor no Raulino de Oliveira, o ímpeto do Resende, entretanto, foi diminuindo, e o Flamengo foi aos poucos achando espaços.

 

Veja as fotos do jogo entre Flamengo e Resende

 

Ronaldinho reclama com marcação da arbitragem

Foto: AE

 

Joel Santana grita com o time na beira do campo

Foto: AE

"Zagueiro

Zagueiro David Braz lamenta chance perdida pelo Flamengo

Foto: AE

"Deivid

Deivid disputa a bola pelo alto com a defesa do Resende

Foto: AE

"Marcelo

Marcelo Régis comemora gol do Resende que inaugurou o placar

Foto: AE

"Vágner

Vágner Love tenta arrancada em atauqe flamenguista

Foto: AE

"Airton

Airton sobe para cabeceio

Foto: AE

"Vágner

Vágner Love comemora gol da virada do Flamengo

Foto: Gazeta Press

 

O primeiro lance de perigo aconteceu aos nove. Ronaldinho cobrou escanteio pela esquerda, a zaga rebateu e a bola voltou para ele, que se livrou do marcador com um belo drible e cruzou. Deivid tentou de cabeça mas não achou a bola, que sobrou mais atrás para Wellington tentar o chute, mas a bola saiu na direção do meio da pequena área e a zaga afastou.

Aos 12, Léo Moura avançou pela direita, fez fila, entrou na área e foi bloqueado na hora da conclusão pelo zagueiro Filipe Machado. O Flamengo dominava a posse de bola e comandava as ações do jogo, e o goleiro Felipe não tinha trabalho. O Resende, porém, era uma equipe bem armada em campo e não dava vida fácil ao adversário.

Aos 26, Léo Moura avançou livre pela lateral e levantou na área. A bola foi no segundo pau e o goleiro Marcos foi precavido e colocou para escanteio. Ronaldinho Gaúcho apareceu bem aos 33. O meia-atacante recebeu na entrada da área pela esquerda, foi fazendo fila até cair. A bola sobrou para Vágner Love, que chutou de primeira mas a Mauro defendeu sem dar rebote.

Willians tabelou com Love aos 38. O volante tentou a conclusão mas Mauro salvou mais uma vez. No minuto seguinte, Ronaldinho, na meia esquerda, achou Luiz Antônio livre pela direita. O meia, dentro da área, tentou o chute colocado, mas Mauro espalmou.

O Flamengo voltou com Bottinelli no lugar de Luiz Antônio, mas foi o Resende que começou o segundo tempo a todo vapor. Assim como na primeira etapa, a equipe tentou uma blitz. Desta vez, deu certo.

Com 1 minuto, Felipe salvou o gol do Resende com uma defesa sensacional. Valdeir cobrou escanteio e Iuri cabeceou livre. Felipe espalmou. No minuto seguinte, Valdeir cobrou falta da intermediária, pela direita, e levantou na área. Marcelo Regis, na marca do pênalti, cabeceou livre. A bola bateu na trave e entrou.

O Flamengo, liderado por Ronaldinho, não se abateu com o gol. Estranhamente, foi o Resende que caiu muito de produção e começou a dar chutões com muito tempo ainda de bola para rolar.

E a equipe de Joel foi em busca da virada e contou com suas duas maiores estrelas para chegar lá. Aos 13, Bottinelli cobrou escanteio pela direita do ataque e levantou na área. Ronaldinho Gaúcho subiu sozinho e cabeçeou para empatar a partida.

Quatro minutos depois, a virada veio numa bela jogada, que começou com R10 no meio campo. Ele tocou para Botinnelli, que lançou Léo Moura na direita. O lateral cruzou por baixo e Vágner Love se antecipou à zaga e ao goleiro e desviou para as redes: 2 a 1.

Depois de tomar a virada, o Resende acordou em busca de salvar a classificação. E quase chegou lá. Aos 32, Elias tocou por debaixo das pernas de Léo Moura e tocou para Marcelo Regis na pequena área, mas o atacante não chegou.

O Fla tentava segurar a pressão do Resende, e contou com a velocidade de Léo Moura e Negueba, que havia entrado no lugar de Deivid, para dar números finais à partida. O lateral puxou o contra-ataque e lançou o atacante livre na ponta direita. Negueba entrou na área e tocou na saída de Mauro.

FICHA TÉCNICA - RESENDE 1 X 3 FLAMENGO Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Data: 18 de fevereiro de 2011, sábado
Horário: 16h20 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Eduardo de Souza Couto (RJ) e Luiz Antônio de Oliveira (RJ)
Cartões amarelos: Marcel, Filipe Machado (Resende); Aírton, David Braz, Vágner Love (Flamengo)

Gols: RESENDE: Marcelo Regis, aos 2min do 2º tempo
FLAMENGO: Ronaldinho, aos 13, Vágner Love, aos 17, e Negueba, aos 38min do 2º tempo

RESENDE: Mauro, Wellington, Facundo Gomez, Filipe Machado e Kim (Emerson); Léo Silva, Iuri, Marcel (Hiroshi) e Valdeir (Léo); Elias e Marcelo Regis
Técnico: Paulo Campos

FLAMENGO: Felipe, Leonardo Moura, Welinton, David Braz e Junior Cesar; Aírton, Willians, Luiz Antônio (Bottinelli) e Ronaldinho Gaúcho; Vagner Love (Maldonado) e Deivid (Negueba).
Técnico: Joel Santana

Ajude a aumentar a torcida virtual do Flamengo

 


Continue lendo...

veja também