MENU

Força do filho caçula é a inspiração para o craque cruzeirense Montillo

Força do filho caçula é a inspiração para o craque cruzeirense Montillo

Atualizado: Quarta-feira, 6 Abril de 2011 as 3:46

Notícia triste para a torcida do Cruzeiro: o meia Montillo não deverá enfrentar o Estudiantes na próxima quarta-feira, na Argentina, pela Taça Libertadores. Não por suspensão ou veto do departamento médico, mas por um motivo mais do que justo, mais do que especial.

É porque deverá ser no dia 13 que os médicos farão uma cirurgia no coração do pequeno Santino, filho caçula do craque celeste e que ficou conhecido em todo o Brasil depois que o jogador o homenageou com um gol e um recado escrito na camisa que vestia por baixo do uniforme.

Nas últimas semanas, o torcedor do Cruzeiro passou a torcer também por Santino. Muitas pessoas têm acompanhado o drama pessoal de Montillo. O bebê, que completou um ano no mês passado, tem síndrome de Down e já passou por quatro internações - a última delas na segunda metade de março. Ficou seis dias em uma unidade de centro de tratamento intensivo (CTI), quando mereceu a homenagem do pai, após o gol na vitória por 4 a 1 sobre o Guarani-MG.     As dificuldades têm unido ainda mais a pequena família. Montillo, que tem 26 anos, é casado com Melina, de 25. Além de Santino, o casal tem outro filho, Valentim, de três anos. Já é íntimo das câmeras e dos flashes, pois já foi fotografado brincando de bola na Toca da Raposa e entrando com o pai nos jogos do Cruzeiro. Para ajudar nos cuidados a Santino, a sogra do craque, Letícia, veio da Argentina e está morando com o casal.

Apesar do problema de saúde com o bebê, o casal é muito alegre. Fala com orgulho dos dois filhos e de como é a vida tendo um pai que fica ausente muitas vezes devido à rotina desgastante de um jogador de futebol.

- Sou muito orgulhosa do Montillo. Apesar de ter que viajar muito, de ficar muito tempo fora de casa, ele sempre faz de tudo para nos fazer felizes. No primeiro (filho) foi um pai muito preguiçoso, mas agora está melhor, acorda à noite, faz mamadeira... Ele falava que nunca iria trocar fralda, mas até que já trocou muita. Mas não mais do que isso!

Vamos revelar um segredo: enquanto era entrevistado, Montillo aproveitou para dar mamadeira ao filho, mas demonstrou pouca intimidade com o ato - bem diferente do que exibe com a bola - e foi corrigido pela atenta Melina, que arrumou Santino na posição correta. Restou ao craque entregar o filho à mãe e vê-la amamentando.     Montillo e a esposa Melina demonstraram um orgulho imenso ao apresentar o pequeno Santino à equipe do GLOBOESPORTE.COM e da TV Globo Minas na tarde de terça-feira, durante a folga do jogador. Em meio aos elegantes móveis da espaçosa sala de visitas da residência do casal, havia muitos brinquedos espalhados e um tapete especial para Santino, onde ele brinca e recebe os cuidados das duas fisioterapeutas que o acompanham. A felicidade é tão grande que a tímida Melina aceitou, pela primeira vez, dar entrevista e aparecer em fotos e em uma reportagem de televisão.

E é na força demonstrada pelo pequeno Santino para superar tantos momentos ruins que o pai Montillo se inspira.     - A força que eu e minha mulher temos vem dele. Sei que o Cruzeiro precisa de mim e tenho que tirar forças de onde posso para ir treinar, para jogar. Santino já lutou muito na vida, passou por internações, vai ser operado de novo. Está suportando muita coisa. É um exemplo para mim. Tudo que fazemos é por ele e por Valentim.

Em tempo: a confirmação da cirurgia de Santino sai na tarde desta quarta-feira. Se for marcada para o dia 13, Montillo ficará em Belo Horizonte para acompanhar. Mas avisa:

- A cirurgia deve ser feita pela manhã e à noite. E, se tudo der certo, estarei assistindo ao jogo e torcendo pelo Cruzeiro.

E a torcida do Cruzeiro estará torcendo por Montillo.          

veja também