MENU

Fred, Emerson e Diguinho: previsão de treinos físicos a partir de sexta

Fred, Emerson e Diguinho: previsão de treinos físicos a partir de sexta

Atualizado: Terça-feira, 28 Setembro de 2010 as 3:46

O tratamento de Fred, Emerson e Diguinho continua. Os atacantes e o volante têm realizado um trabalho diário de fisioterapia, que é a transição do departamento médico para a preparação física. Os três ainda não sabem quando voltarão a jogar, mas o coordenador médico do clube, Douglas Santos, acredita que até a próxima sexta-feira eles terão condições de avançar no processo.

- A previsão é que até o fim desta semana, quinta ou sexta-feira, quem for evoluindo bem dos três seja liberado para a preparação física. Pode ser que um avance um pouco mais que o outro, mas os três estão praticamente na mesma evolução, fazem mais ou menos o mesmo trabalho. Acho que o Emerson é o que está mais atrasado. A previsão é que pelo menos dois sejam liberados. Quanto a jogar, isso será determinado pela preparação física. O Ronaldo Torres (responsável pelo setor) vai ter de analisar os casos – informou, por telefone, ao GLOBOESPORTE.COM.

Em 5 de setembro, Emerson, que marcou sete vezes em oito jogos, sofreu um estiramento na coxa esquerda, quando enfrentou o Guarani. De lá para cá, ficou fora de seis partidas.

Por conta de uma lesão polêmica na panturrilha esquerda, que criou mal-estar no clube e acarretou no pedido de demissão do coordenador médico Michael Simoni, Fred não joga desde 25 de julho. Sua última aparição com a camisa tricolor foi no clássico contra o Botafogo. Fez quatro gols no campeonato e desfalcou o time 14 vezes.

Diguinho torceu o tornozelo esquerdo no empate por 2 a 2 com o Vasco, no dia 22 de agosto. Ele deveria ter voltado no início deste mês, mas a previsão não se confirmou.

Conca não preocupa

Nesta segunda-feira, o meia Darío Conca usou algumas horas da folga dos titulares para ir às Laranjeiras fazer tratamento. Ele sente dores na sola do pé direito, mas não será problema para a partida contra o Avaí, nesta quarta-feira, pela 26ª rodada do Brasileirão. Após o jogo contra o Vitória, no último domingo, o técnico Muricy Ramalho e o zagueiro Leandro Euzébio comentaram que o argentino estava com o tornozelo direito inchado. Segundo o coordenador médico, nada que o prejudique.

- Às vezes, a dor na sola do pé muda a maneira de pisar para poupar um pouco o pé. A princípio, nada que atrapalhe no tornozelo – afirmou.

O grupo do Fluminense chegou na tarde desta terça a Volta Redonda, no interior do Rio, local da partida contra os catarinenses. O time fará um treino no estádio Raulino de Oliveira. Líder do Nacional, com 48 pontos, o Tricolor tem um mais que o Corinthians, que nesta rodada enfrenta o Botafogo, também na quarta, em São Paulo.

veja também