MENU

Gattuso: 'Se fosse a Londres, voltaria com 37 mil marcas de tapas no rosto'

Gattuso: 'Se fosse a Londres, voltaria com 37 mil marcas de tapas no rosto'

Atualizado: Quarta-feira, 23 Fevereiro de 2011 as 9:05

Gattuso não deverá sequer ir a Londres acompanhar a partida de volta entre Milan e Tottenham, dia 9 de março, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões. Suspenso pela UEFA em função das atitudes agressivas (incluindo agarrão no pescoço e cabeçada) contra Joe Jordan (auxiliar técnico do time inglês), o volante admite que não seria uma ideia saudável estar presente ao estádio White Hart Lane, tendo em vista as possíveis represálias que sofreria da torcida local.

- Eu queria estar no jogo de volta em Londres, mas fui aconselhado a não ir. Haverá 37 mil torcedores deles no estádio, e eu retornaria com um rosto marcado por 37 mil tapas – ressaltou Gattuso em entrevista concedida ao blog britânico Dirty Tackle.

Sobre a punição (quatro partidas pelos atos hostis e mais uma por ter recebido o terceiro cartão amarelo), o capitão do Milan não disfarçou a ironia, dando, inclusive, uma sugestão alternativa para a decisão da UEFA.

- Eles me deram uma suspensão de cinco partidas...Eles podiam muito bem ter me colocado na prisão por um mês – disparou Gattuso.

Durante a partida realizada na última quarta-feira, quando o Milan perdeu em pleno San Siro por 1 a 0, o volante se desentendeu com Jordan (ex-centroavante da seleção escocesa e do próprio Milan). Nos minutos finais, Gattuso ainda trocou agressões com Peter Crouch, autor do gol do Tottenham, e levou um cartão amarelo.

Com os cinco jogoso de gancho, o jogador italiano só terá condições de voltar a atuar na Champions League na temporada caso o Milan dispute a decisão do torneio, no dia 28 de maio, em Londres.      

veja também