MENU

Gremistas esperam "porrada" e "fogo" no Gre-Nal de Rivera

Gremistas esperam "porrada" e "fogo" no Gre-Nal de Rivera

Atualizado: Domingo, 30 Janeiro de 2011 as 4:13

Embora estejam de um lado os reservas do Grêmio, e de outro o time B do Inter, o Gre-Nal 384 marcado para as 19h30m deste domingo ainda é um dos clássicos de maior rivalidade do Brasil.

Sabedores do estilo contundente de disputa entre os adversários tradicionais, os jogadores do Grêmio esperam uma partida complicada no Estádio Atílio Paiva, em Rivera, pelo Campeonato Gaúcho.

Com 20 anos, o atacante Wesley estreia no grupo profissional tricolor.

Ele acredita que o Gre-Nal será um jogo "porrada". A palavra, entretanto, não tem conotação belicosa. É uma gíria para descrever o impacto do enfrentamento.

- O pessoal passou que é um jogo forte, bastante disputado, porrada mesmo. E também me falam para ter bastante tranquilidade, concentração - explicou.

Wesley ambiciona marcar um gol, e também ver o amigo Mithyuê fazer o dele:

- Eu estava falando com o Mithyuê. Quero fazer um gol, um eu e um você. Sonhar eu ainda não sonhei, espero que eu possa sonhar com esse gol, e com o do Mithyuê também.

Quatro anos mais velho, o volante Adilson é o único titular relacionado por Renato Gaúcho - que fica em Porto Alegre, enquanto o auxiliar técnico Roger comanda a equipe no Uruguai. Embora jovem, tem experiência para transmitir conselhos aos mais jovens, principalmente o volante Mateus Magro, que atuará ao seu lado no meio-campo:

- Falei bastante com o Mateus, que está ao meu lado, e com outros garotos. Mas eles sabem, já jogaram Gre-Nal na base. É uma boa oportunidade para eles buscarem espaço com o Renato. Vai pegar fogo para a gurizada.

veja também