MENU

Guiñazu apresenta proposta ao Inter, que veta saída. São Paulo nega envolvimento

Guiñazu apresenta proposta ao Inter, que veta saída. São Paulo nega envolvimento

Atualizado: Quinta-feira, 24 Dezembro de 2009 as 12

Argentino Guiñazu se encontra no meio de uma polêmica envolvendo Internacional e São Paulo Acompanhado do empresário Fabiano Ventura, o argentino Guiñazu foi ao Beira-Rio na tarde desta quarta-feira apresentar ao Internacional, representado pelo vice de futebol, Fernando Carvalho, uma proposta de transferência. O dirigente imediatamente vetou a saída do volante, ídolo da torcida colorada no atual elenco, e disse que sequer ficou sabendo que clube tem interesse no melhor volante pela esquerda do Brasileirão 2009 - eleito na festa de premiação realizada pela CBF.

''Foi manifestado o interesse de outro clube, mas eu sequer quis saber qual é. Nos reunimos reunimos com o jogador, e o Internacional não tem interesse em negociá-lo'', disse Carvalho em entrevista para a Rádio Bandeirantes, acreditando também que Guiñazu, realmente pensou em deixar o Beira-Rio.

''Se eles trouxeram uma proposta, evidentemente isso chegou a ser cogitado. Só que a negociação depende de bilateralidade, que não houve neste caso''.

Como Ventura possui uma procuração assinada pelo atleta para cuidar de uma possível transferência exatamente para o São Paulo, segundo o próprio agente declarou durante a semana, o Tricolor poderia fazer o papel de vilão na história. Mas o vice de futebol do clube paulista, Carlos Augusto de Barros e Silva, negou qualquer proposta pelo jogador.

''Não manifestamos nada. Essa ação partiu do lado de lá, em função de algum interesse do seu procurador, e acabou envolvendo o São Paulo. É um grande jogador, mas nunca fizemos nenhum movimento para contratá-lo'', garantiu Leco à Rádio Bandeirantes.

Se por um lado o Inter decidiu manter Guiñazu, por outro a questão agora é saber qual será o ânimo do jogador, que ainda não se manifestou sobre toda a polêmica envolvendo a procuração e uma possível negociação. Carvalho acredita que o capitão do time manterá a postura que teve até agora no clube.

''Não tenho dúvida de que será o Guiñazu de sempre'', comentou Carvalho.

O volante argentino tem contrato vigente com o Inter. Mesmo que ele queira sair, a única possibilidade de negociação é o pagamento da multa rescisória, superior a R$ 30 milhões.

veja também