MENU

Guiñazu diz que 'partida valendo é que dará ritmo' para a Libertadores

Guiñazu diz que 'partida valendo é que dará ritmo' para a Libertadores

Atualizado: Quarta-feira, 9 Fevereiro de 2011 as 3:31

O Inter entrará com força máxima na partida contra o Pelotas já visando a estreia na Libertadores, diante do Emelec. Após o treino físico da manhã desta quarta, o volante Guiñazu ressaltou a importância do grupo colorado disputar o Gauchão para pegar ritmo.

- Temos que respeitar o planejamento do treinador. Todo mundo quer jogar (contra o Pelotas). Podemos treinar o ano todo, mas é a partida valendo que dará o ritmo. Coletivo não é igual, os jogadores têm cuidados extras - comentou.

Desde a reapresentação do grupo principal até a partida diante do Emelec, serão 28 dias de preparação para a competição continental. Apesar desse tempo curto, Guiñazu acredita que o Inter chegará bem preparado para esse confronto.

- Leva uns dias para o corpo soltar com os treinamentos. Esse jogo contra o Pelotas vai ser fundamental. Na Libertadores, o grupo precisa estar mais do que 100%. Com certeza estaremos preparados - destacou.

Além de Inter e Emelec, a chave colorada na Libertadores conta com Jaguares, do México, e Jorge Wilstermann, da Bolívia. Mesmo que o Grupo 6 seja considerado tranquilo para o clube gaúcho, Guiñazu prega precaução.

- Libertadores não tem parada fácil. Tem que estar preparado para o que vier. Por vezes, a chave parece ser fácil e aparece alguma surpresa. Quando eu jogava pelo Libertad, ninguém falava do time. E foi um jogão aqui contra o Inter no Beira-Rio - relembrou.    

veja também