MENU

Hamilton ressalta lealdade à McLaren após polêmica: 'Só um comentário'

Hamilton ressalta lealdade à McLaren após polêmica: 'Só um comentário'

Atualizado: Sexta-feira, 15 Abril de 2011 as 10:09

Após polêmica, Hamilton volta atrás em declaração sobre lealdade à McLaren (Foto: Getty Images)

  Após dizer que sua lealdade à McLaren tem limites, Lewis Hamilton resolveu voltar atrás com a repercussão negativa de sua declaração. O inglês disse que não existem dúvidas sobre seu comprometimento com a equipe, mesmo após a afirmação. Ele tinha afirmado que a permanência no time dependeria de um carro vencedor nesta e na próxima temporada, já que seu contrato acaba em 2012. O piloto disse também que teve um carro competitivo nos anos anteriores.

- Foi só um comentário. É assim que a vida funciona. Não existem dúvidas sobre minha lealdade à McLaren. Estou aqui desde os seis anos de idade, estou comprometido com eles. Quero ajudar a equipe e me tornar um dos pilotos mais bem sucedidos da Fórmula 1. Quero que eles trabalhem para isso. Se olharmos para o nosso desempenho ao longo dos anos, posso dizer que sou o único piloto a vencer uma corrida todo ano. Tive um carro vencedor em todos eles. Isto é algo muito positivo - diz Hamilton, em entrevista após os treinos livres desta sexta-feira.

O discurso do campeão de 2008 mudou bastante em pouco tempo. Seu futuro na categoria é alvo alvo de especulações há algum tempo. Recentemente, o piloto passou a ser agenciado por Simon Fuller, criador do reality show "American Idol" e do grupo musical "Spice Girls" e as conversas sobre uma possível mudança aumentaram muito.

- Não penso em nada a não ser em vencer títulos. Só estive nesta condição por um curto período na Fórmula 1. Tenho a sorte de estar em uma equipe grande, onde estou confortável, mas quero ser campeão. Minha lealdade tem limites. Sempre gostei de pilotar aqui na McLaren e gostaria de continuar, mas tenho de analisar qual será minha posição no fim do ano e o que aconteceu na temporada - diz Hamilton, em entrevista à imprensa inglesa.      

veja também