MENU

Hamilton revela contato com Alonso e visita do pai em Silverstone

Hamilton revela contato com Alonso e visita do pai em Silverstone

Atualizado: Segunda-feira, 5 Julho de 2010 as 4:28

Após a semana de folga da Formula 1 visando o Grande Prêmio da Inglaterra, o piloto Lewis Hamilton tentou apagar o fogo aceso pelas discussões ocorridas após o GP da Europa, onde o espanhol Fernando Alonso reclamou que o corredor da McLaren teria sido favorecido em dado momento da prova - o que gerou uma resposta e, depois, um pedido de desculpas. Hamilton revelou, no entanto, que tem mantido contato com Alonso, e que a situação entre ambos está mais tranquila.

Após a prova em Valência, na Espanha, Alonso criticou os comissários da prova, sugerindo que Lewis teria sido favorecido quando o safety car saiu da pista após o acidente de Mark Webber, visto que ele perdeu várias posições, e o rival conseguiu encostar no pelotão da frente. O inglês respondeu, afirmando que as reclamações de Fernando não tinham fundamento. Em seguida, o piloto da Ferrari pediu desculpas.

Nesta segunda-feira, no entanto, Hamilton contou que a relação dos dois rivais vive um momento tranquilo. ''Nós estamos em contato, temos o número de telefone um do outro e trocamos mensagens outro dia desses, está tudo bem'', explicou, vagueando sobre o conteúdo das conversas.

''Eu só perguntei como ele estava, e ele disse que está tudo bem e que sabe como o circo anda, e que este ano está bastante complicado'', comentou Lewis, que em seguida, revelou que deverá contar com a presença do pai nos boxes na prova que correrá ''em casa'', em Silverstone.

''Acredito que ele virá. Convidei ele, e toda minha família. Será muito bom se eles vierem. Acho que ele chegará na noite de sábado, e os outros na manhã de domingo'', explanou.

Hamilton reconheceu, ainda, que as relações com o pai não estão em um bom momento desde que ele decidiu que não seria mais assessorado por ele, no ano passado. Desde então, Anthony Hamilton nunca mais esteve junto do filho nas provas da Formula 1. Para Lewis, no entanto, a demissão do pai o ajudou a se tornar ''uma pessoa melhor''.

''Isso realmente aconteceu, eu apenas cresci. Continuo aprendendo muitas coisas, e estou muito bem controlando a minha própria carreira, tomando as rédeas de tudo. Me sinto orgulhoso de não ter estragado tudo'', comemorou.

veja também